Simulador ISV 2021

Nesta página: simulador ISV para 2021.

Cilindrada em cm3
cm³/cc
Excepções e notas
Resultados da simulação
impostosobreveiculos.info
Os resultados da simulação aparecerão aqui.
Porém, ainda não preencheu todos os dados necessários para que a simulação possa ser feita.
Complete pelo menos os campos Cilindrada e Emissões CO2.

Veículos não abrangidos

Para que o simulador seja rápido e simples, optei por incluir apenas os casos mais comuns pelo que não simula:

Voltar ao simulador

Emissão de partículas

No valor indicado assume-se que o carro a gasóleo emite menos de 0,001g/km de partículas. Normalmente, os carros que têm filtro de partículas (todos os carros recentes têm) cumprem este requisito.
Se o valor for superior ou se não for possível conhecer o valor das emissões de partículas, há uma taxa adicional de 500€ que não aparece na simulação.
Esta taxa não se aplica a carros a gasolina.

Voltar ao simulador

IVA

Carros com menos de 6 meses de matrícula ou menos de 6.000 km são considerados novos e pagam sempre 23% de IVA em Portugal, independentemente de o terem pago no país de origem.
Se na simulação não colocou o preço do carro, apenas será acrescentado IVA ao valor do ISV. Deverá indicar o preço do carro para uma simulação correcta.
Mais informações: IVA na importação de carros ou motos.

Voltar ao simulador

Híbridos

Para efeitos de benefício fiscal no ISV apenas são considerados híbridos ou híbridos plug-in, os automóveis que tenham uma autonomia eléctrica mínima de 50km e que emitam menos de 50g/km de CO2. Todos os outros híbridos (full-hybrid, mild-hybrid, etc.) que não cumpram estas condições não têm direito ao desconto "híbrido".

Voltar ao simulador

Eléctricos

Carros exclusivamente eléctricos não pagam ISV (ou IUC). Só pagarão IVA e taxas aduaneiras se importados de países fora da UE.
Mais informações: importar um automóvel eléctrico para Portugal.

Voltar ao simulador

Combustíveis alternativos

Carros bi-fuel ou dual-fuel, que funcionem a GPL, GN ou GNC (ou qualquer outro combustível) e a gasolina pagam ISV como carros a gasolina - não são considerados híbridos, nem têm qualquer benefício ou tratamento fiscal diferenciado.
A excepção são os carros que funcionem exclusivamente a GN/GNC/GNL, ou seja, que não podem consumir gasolina - que eu saiba, são um caso raríssimo e não estão aqui considerados.

Voltar ao simulador

WLTP

Coloque o visto na caixa WLTP apenas e só se as emissões de CO2 do carro tiverem sido homologadas pela norma WLTP.
Para saber se um carro foi homologado usando a norma WLTP deverá consultar a documentação do carro - o DUA, o Certificado de Conformidade ou equivalente. O valor tido em conta para o cálculo é sempre o "combinado".
Normalmente, nenhum carro comercializado antes de 2018 foi homologado usando a norma WLTP. Na dúvida, não coloque o visto na caixa WLTP.

Se na documentação aparecerem ambos os valores NEDC ou NEDC2 e WLTP, os valores a serem considerados para pagamento do ISV e IUC serão sempre os WLTP.
Se na documentação não aparecer qualquer referência ao protocolo WLTP, isso quererá dizer que a medição utilizou o protocolo NEDC.
Nunca use os valores do protocolo NEDC2 - não são aceites.

De forma geral, podendo haver excepções:

Voltar ao simulador

Declinação de responsabilidade

Este simulador, como o próprio nome diz, simula o cálculo de impostos (ISV, IUC, IVA e taxas aduaneiras) a pagar por um automóvel ligeiro de passageiros, novo ou importado usado.
O cálculo está de acordo com a legislação em vigor, é verificado constantemente, que eu tenha conhecimento tem uma exactidão de 100%, no entanto, é feito com a introdução de dados pelo utilizador, que poderão estar incorrectos ou mal introduzidos, poderá não calcular correctamente situações não previstas e poderá ter erros, pelo que aconselho sempre a confirmar, apenas numa última instância imediatamente antes de comprar ou importar qualquer veículo, junto da Autoridade Tributária e Aduaneira, os valores aqui dados. Nessa altura poderá também efectuar a simulação através do simulador da AT que encontra aqui - note no entanto que o simulador da AT recusa qualquer vínculo da mesma ao resultado da simulação, os cuidados que tem aqui também os deve ter com o simulador da AT.
Se encontrar alguma disparidade entre o simulador da AT e este simulador, agradeço que me avise, usando para tal o formulário para comentários que encontra mais abaixo.

Dúvidas, problemas ou sugestões

Se tiver uma dúvida, um problema ou quiser fazer uma sugestão, use por favor a caixa de comentários mais abaixo.
Estou sempre a melhorar esta página e gostava de contar com a sua ajuda. Obrigado.

Voltar ao simulador

12.10.2020. 15:51

jorgecamarinho em 21.01.2021. 01:31

tenho atestado multiusos capacidade 64% quanto pago de ISV na compra de carro novo

FD em 18.01.2021. 10:22

@João em 17.01.2021. 17:47

As especificações podem mudar de país para país, só pode confirmar se tem direito ao desconto vendo a documentação da unidade que quer comprar.
Depois, não especifica a que geração da Espace se está a referir.
Na última geração, a versão 2.0 dCi com 7 lugares, do que vejo, tem um peso bruto anunciado de 2554kg.
Mas a versão gasolina, por exemplo, já tem um peso bruto de 2410kg.
Por aqui pode perceber que só analisando a documentação da unidade específica é que sabe se tem direito ou não ao desconto.

João em 17.01.2021. 17:47

Boa Tarde,
Alguém me consegue confirmar se a Renault Espace está considerada monovolume e tem a redução dos 60% de ISV?

FD em 17.01.2021. 12:40

@Jorge Almeida em 16.01.2021. 21:49

O que interessa é o peso bruto e não o peso do carro.
A Espace deve conseguir a isenção, a Scénic duvido muito.

Terá que verificar o COC ou o livrete para verificar o peso bruto da unidade que quer comprar - as especificações podem mudar de país para país.

Jorge Almeida em 16.01.2021. 21:49

Boa noite.
Tenho uma dúvida: A Renault Grand Scenic de 2018 está abrangida pela redução de 50% de ISV caso tenha 7 Lug?
Vi numa ficha técnica que só pesa 1513 kg o que achei pouco, e está muito longe dos 2500 Kg que penso ser o necessário para ter a isenção de ISV.

Moris em 15.01.2021. 10:42

@FD muito obrigado pela ajuda. O link sobre "Como legalzar carros importados" é muito esclarecedor. Bom fim-de-semana.

FD em 14.01.2021. 17:12

@Carla Pires em 14.01.2021. 14:54

No simulador da AT só pode escolher a opção Ligeiro >2500kg se o carro tiver 7 lugares e não tiver tracção às quatro rodas.
Se o carro tem essas características (7 lugares e não 4x4) o valor correcto é o do simulador da AT.
Se não tiver, o valor correcto é o apresentado aqui.

Carla Pires em 14.01.2021. 14:54

Boa tarde,
O veículo é um Range Rover Sport com mais de 2500kgs, cilindrada 2993, ano de 2010, CO2 - 243 hrs a gasóleo.
Agradeço a sua atenção.

FD em 14.01.2021. 10:02

@Ricardo Martins em 13.01.2021. 23:09

Leia por favor: prazos e datas limite do ISV.

FD em 14.01.2021. 10:00

@Carla Pires em 13.01.2021. 19:43

Sem os dados que utilizou para as duas simulações (ano, combustível, cm3, CO2, etc.) não consigo perceber o porquê da diferença.
Se me transmitir essa informação, posso explicar o porquê.

FD em 14.01.2021. 09:57

@Moris em 13.01.2021. 17:18

Não tenho experiência nessa situação.
Do que sei, o processo tem de ser iniciado do lado vendedor e depois disso feito é uma legalização como outra qualquer: legalizar carros importados.

Ricardo Martins em 13.01.2021. 23:09

Boa Noite

Vou importar uma Mercedes C250 de Março de 2016, a viatura deve chegar a Portugal no início de Fevereiro, caso dê entrada dos papeis para legalização e uma vez que faltará menos de um mês para a viatura fazer os 5 anos será que consigo pagar o respectivo ISV respeitante aos 5 anos de idade ou terei que pagar um valor mais elevado relativo aos 4anos e 11 meses? E quanto tempo como Particular tenho para dar entrada do processo de legalização sem que seja sujeito a coima?

Os melhores cumprimentos
Ricardo Martins

Carla Pires em 13.01.2021. 19:43

Boa noite,
Após as informações que me prestou Efetuei a simulação no portal das finanças e o valor de ISV é de 5.368.30€. Fazendo a simulação aqui no seu site o valor de ISV é de 13.443.40€. Gostaria de perceber porque dá esta diferença tão grande. Obrigada

Moris em 13.01.2021. 17:18

@FD obrigado, já vi os links, só mais umas duvidas. Como decorre o processo? onde tenho de ir primeiro? Existem empresas que tratam disto? O carro ya esta aquí em Portugal desde 2011.

Obrigado.

FD em 13.01.2021. 10:54

@Moris em 12.01.2021. 18:33

Penso, não tenho certeza, que não tem que pagar qualquer ISV.

Para conhecer as emissões de CO2: como conhecer as emissões CO2 de um automóvel.

FD em 13.01.2021. 10:40

@Carla Pires em 12.01.2021. 17:46

Carregue na lupa que está do lado direito do campo "Tipo de veículo" no simulador da AT.
Vai abrir uma janela nova com a descrição de cada opção.
Veja a descrição para a opção "Ligeiro >2500kg" e confirme se o Range Rover Sport se insere dentro dessa definição.

Moris em 12.01.2021. 18:33

Boa tarde, estou a comprar um Citroen C1 de 2011, 5 portas, gasolina, 4 lugares. A um diplomata que volta para seu pais. Atualmente circula com matricula especial do tipo 123-CD456, 998cc mas na documentação não contem indicações do CO2. Foi comprado cá em Portugal mas não pagou ISV.

Qual o processo para tratar da regularização? como consigo a informação sobre CO2? Com que parámetros fazer a simulação neste portal?

Muito obrigado.

Carla Pires em 12.01.2021. 17:46

Boa tarde muito obrigada pelo esclarecimento mas mesmo assim tenho uma dúvida pois o range rover sport tem mais de 2500 kgs e no simulador das finanças existe a opção que me falou de ligeiro de passageiros mas também tem a opção de ligeiro de passageiros mais de 2500kgs. Então porque não devo escolher esta última?

Rúben em 11.01.2021. 14:57

Respeito amigo , muito obrigado

FD em 11.01.2021. 14:39

@Rúben em 11.01.2021. 13:51

Lamento mas, por diversas razões, não faço recomendações.

Rúben em 11.01.2021. 13:51

Muito obrigado pelo esclarecimento amigo, têm algum contato que me possa fornecer, de pessoas que tratam de toda a legalização e transporte?

FD em 11.01.2021. 13:32

@Rúben em 11.01.2021. 12:44

Certo.

Isenção é por exemplo quando se muda residência para Portugal (caso dos ex-emigrantes), quando se tem um incapacidade motora, etc.

Rúben em 11.01.2021. 12:44

Então os impostos são os que quando fazemos a legalização certo?
E a isenção é o que?

FD em 11.01.2021. 11:20

@Carla Pires em 10.01.2021. 18:25

A opção a escolher no simulador da AT para o Range Rover Sport é Lig. Passageiros.

O Range Rover Sport 4x4 (AWD) paga ISV pela totalidade como ligeiro de passageiros.

Poderia usufruir de um desconto de 50% no ISV se fosse 4x2 mas, sendo 4x4 esse desconto não se aplica.
Para usufruir deste desconto teria que ter 7 lugares (possível no Sport), peso bruto superior a 2.500kg (também possível no Sport) e não ter tracção às quatro rodas (que eu saiba não existe nenhum Sport sem tracção às quatro rodas).

Também poderia usufruir do desconto de híbrido plug-in na versão P400e mas, sendo a autonomia eléctrica inferior a 50km e as emissões de CO2 superiores a 50g/km, deixou de ter esse desconto em 2021 (tinha desconto em 2020).

Se quiser mesmo um Range Rover e usufruir de um desconto no ISV tem de escolher um modelo que cumpra os critérios acima indicados, caso contrário pagará sempre o ISV pela totalidade.

FD em 11.01.2021. 11:04

@Rúben em 10.01.2021. 18:04

Se pagar os devidos impostos e não usufruir de nenhuma isenção, regra geral, pode vender o carro quando quiser.

Carla Pires em 10.01.2021. 18:25

Boa tarde,
Quero comprar um Land Rover Range Rover Sport na Alemanha mas ao fazer a simulação no portal das finanças não consigo perceber qual o tipo de veículo que devo escolher pois existem as opções: ligeiro » 2500 Kgs ou ligeiro mercadorias 4x4. Pois o range rover é 4x4 mas penso que não é de mercadorias e se escolher a primeira opção não tem 4x4.
No vosso simulador também não aparece a opção do veículo ser 4x4, só pergunta a cilindrada e ao fazer a simulação no vosso simulador o valor é muito superior ao do simulador das finanças. Pode me esclarecer por favor? Obrigada.

Rúben em 10.01.2021. 18:04

Se eu comprar um carro, ano 2008/2012...
E importar/legalizar e tiver tudo pago, poderei revender sem qualquer problema?
Terei de esperar algum tempo para o vender?
Terei de pagar alguma coima ou outros impostos?

Rúben em 10.01.2021. 17:59

Por exemplo, pretendia comprar, importar e legalizar um carro estrangeiro, por volta do ano 2008/2011!
A questão era, uma vez todo legal em Portugal, tudo pago o tenho a pagar para ficar todo legal!
Se depois o quisesse vender, se não o posso vender?
Porque vi uma mensagem aqui, que dizia que durante um ano não o podia vender, porque senão levava uma coima

FD em 10.01.2021. 16:49

@Rúben em 10.01.2021. 14:48

Normalmente, essas "proibições" apenas acontecem em casos de isenção.
Quando não há isenções, quando pagou todos os impostos devidos, é livre de vender quando quiser.

Mas, preciso de um contexto mais preciso para responder correctamente, se quiser explicar a situação, eu respondo mais acertadamente.

FD em 10.01.2021. 16:27

@Mara Antunes em 09.01.2021. 16:33

Se vai regressar de vez a Portugal, pode trazer o carro sem pagar impostos.
Apenas pagará os custos de matriculação (+/-200€).

Mais informações: isenção por mudança de residência - condições e procedimentos.

FD em 10.01.2021. 16:24

@André Trancoso em 09.01.2021. 15:17

O COC - certificado de conformidade.

FD em 10.01.2021. 15:58

@Mauro em 08.01.2021. 20:11

Tenho que ver se arranjo tempo. :)

FD em 10.01.2021. 15:55

@Alexandre em 08.01.2021. 16:14

Faça uma reclamação graciosa expondo todos os factos e anexando todos os documentos comprovativos: https://www.portaldasfinancas.gov.pt/pt/main.jsp?body=/external/sicatpf/pesquisaReclamacaoGraciosa.htm

FD em 10.01.2021. 15:51

@Dionisio em 08.01.2021. 11:42

Por favor use o simulador, se tiver dúvidas, diga.

Rúben em 10.01.2021. 14:48

Boa tarde!
Vi um comentário que dizia que ao importar um carro, não o posso vender no primeiro ano, senão tenho de pagar ivas e uma multa!
É só durante um ano, ou mais?

Mara Antunes em 09.01.2021. 16:33

Bom dia encontro me na Franca tenho um mercedes 2000 de celindrada e de emissao de gases e 148g/km e é do ano 2012 e como vou para a reforma vou viver définitivamente para Portugal gistava de saber quanto tenho de pagar para legalizar o meu carro em Portugal

André Trancoso em 09.01.2021. 15:17

Boa tarde,

Obrigado pelo excelente site com imensa informação útil.

Para efeitos de benefício fiscal no ISV em veículos híbridos Plug-in que documentação é necessária para comprovar que tem autonomia mínima de 50km e menos de 50g/km CO2?

Grato,
André Trancoso

Mauro em 08.01.2021. 20:11

Boas para quando a formula do método alternativo e procedimentos?

Alexandre em 08.01.2021. 16:14

Continuação Alexandre

O que quer dizer com 'como preencher a dav'.
Os carros não tinham coc, e como tal não podia fazer inspecção, solicitamos homologação ao imt e chegaram no dia 06 Janeiro.
Pelo que sei não posso efectuar a criação de Dav sem inspecção.
Aqui a grande questão é que um veículo é plug in e pagaria em 2020 cerca de 600 eur e em 2021 passa para 2400.
O outro é híbrido e pagaria em 2020 cerca de 2200 eur e em 2021 cerca de 3200 eur.

É uma vez que, de ambos, foi solicitada a homologação a 23 de Novembro e k atraso e do imt não vejo o porquê do contribuinte ser o lesado.

Obrigada pela sua atenção

Dionisio em 08.01.2021. 11:42

Bom dia quanto fica legalizar uma passat 1.9 tdi a gasóleo de 2000 de frança para portugal?o meu marido esta ha 3 meses a trabalhar em França comprou la o carto agora ele entretanto quer vir embora e nao quer deixar la o carro obrigado

FD em 07.01.2021. 16:31

@Miguel Monteiro em 06.01.2021. 20:32

Em princípio, sim, será esse o valor mas o ideal seria ver o COC para ter a certeza.

O valor está correcto se o carro emitir menos de 0,001g/km de partículas.
Se emitir mais ou não houver informação, pagará +175€.

Jorge Vale em 07.01.2021. 16:20

Muito Obrigado pela ajuda e esclarecimento. O simulador está correcto.
A diferença foi que por 0,0001g/km em partículas ... tive um agravamento de 500€ com um desconto pelo meio.
Muito Azar para um carro de Nov/2015 com filtro de partículas ... ter que pagar a taxa de 500€.
Agora percebo porque é que baixaram em 2020 de 0,002 para 0,001 o limite das particulas.
Abraço

FD em 07.01.2021. 16:09

@Alexandre em 06.01.2021. 18:04

Se já entregou a DAV, 2020.
Se ainda não entregou a DAV, em princípio, 2021.
Mas, isto poderá não ser bem assim, depende de como preenche a DAV e do contexto.

Não sei é como é que a AT tem aplicado o princípio da coima nestes casos...

Miguel Monteiro em 06.01.2021. 20:32

Boa noite,

Vou comprar um 320d coupe E92 (1995cm3) Julho 2008 de França
O valor de CO2 que consta no livrete é 128g/km, ou seja, este é o valor de emissões usado na Alfândega para pagamento de ISV certo?

Pelo simulador daqui dá 2035.92€, será exactamente este preço que irei pagar?

Alexandre em 06.01.2021. 18:04

Boa noite
Fui buscar um automóvel a Alemanha e cheguei a Portugal a 21 de Novembro 2020, enviei via email o pedido de homologação para o imt no dia 23 do mesmo mês. Até agora não recebi resposta nenhuma.
A minha questão é, uma vez que o atraso no despacho dos papeis é do imt, vou ser tabelados em sede de isv pela tabela de 2020 ou 2021.
Obrigada

FD em 06.01.2021. 11:24

@Jorge Vale em 05.01.2021. 14:43

Verifiquei agora mesmo o cálculo e está correcto para os dados que dá.
Aliás, o próprio simulador da AT dá o mesmo valor.
Há aí algo que não está correcto mas, não é com o simulador.
Se puder, envie-me a última folha da DAV para mobilista@gmail.com e eu posso tentar perceber o que é.

FD em 06.01.2021. 10:58

@Paulo em 04.01.2021. 21:08

Não percebi bem a sua pergunta, pode explicar melhor?

Jorge Vale em 06.01.2021. 08:39

Bom dia, gostaria que verificasse os cálculos do Simulador, principalmente o comparativo entre 2020 e 2021.
Confirmei com a Autoridade Tributária que o valor para 2021 está correcto numa importação que fiz ontem.Tive um desconto de cerca de 500€ comparativamente ao que teria pago caso o carro fosse importado em 2020.
Cilindrada: 2143
CO2= 109g
Mes/Ano = 11/2015
Valor pago ontem foi de 3829,25€
O vosso simulador indica esse valor como o valor de 2020 ... e está errado (está a indicar um valor de 2021 mais baixo 365€).
Este valor que paguei ontem é o valor de 2021.
Por favor verifique bem as fórmulas de cálculo pois não estão corretas.
Obrigado
Cumprimentos

Jorge Vale em 05.01.2021. 15:54

Viva novamente,
reparei que tem esta informação no seu site.
O que aconteceu foi exatamente isto ... o carro do meu amigo deu entrada a 28/12/2020 e a DAV submetida hoje dia 5/01/2021. O ISV não reflete o valor de 2021 ... mas sim o de 2020 (mais alto cerca de 365€). Pode ajudar ? Obrigado

"É possível importar um carro em Dezembro para legalizar em Janeiro usufruindo das tabelas de ISV de Janeiro?
Sim, é.
Os valores do ISV que são aplicáveis a um veículo são aqueles exigíveis na data de apresentação da DAV (alínea b) do n.º 1 e n.º 3 do Artigo 6.º do Código do ISV).
Ora, numa situação normal, o prazo para apresentar a DAV após entrada do veículo em território nacional são 20 dias úteis (alínea a) do n.º 1 do Artigo 20.º do Código do ISV).
Assim, para poder aplicar as tabelas de ISV em vigor a 1 de Janeiro de um qualquer ano, respeitando os prazos limite, ou seja, fazendo tudo no limiar das datas possíveis, o automóvel tem que entrar em Portugal 20 dias úteis antes de 2 de Janeiro (o dia 1 não é incluído por não ser um dia útil).

Na prática, isto quer dizer que para aplicar as tabelas de ISV do novo ano, o carro não pode entrar em Portugal antes de 2 de Dezembro. Se entrar antes, terá que aplicar as tabelas do ano em vigor nesse ano. É importante também ressaltar que apesar dos (novos) valores do ISV entrarem em vigor no dia 1 de Janeiro, nem sempre é assim, podem sempre existir imprevistos (eleições extraordinárias ou em calendários estranhos, etc.) que mudem essa data - cuidado com isso."

Jorge Vale em 05.01.2021. 14:43

Boa tarde, ajudei um amigo a importar um Mercedes de Novembro de 2015.
O carro chegou a 28/12 por camião. Ele submeteu a DAV hoje (5/01/2021) e na altura do pagamento do ISV o valor de 2020 manteve-se inalterado. Ou seja o valor que o simulador nos dá para 2021 (menos 365€ que em 2020) não foi aplicado pela Autoridade Tributária e Aduaneira.Ele teve que pagar o valor do ISV em 2020. Não faz sentido. Pode por favor ajudar-nos a entender o que se passou ? Obrigado, Cumprimentos

Paulo em 04.01.2021. 21:08

Boa noite,
Unica questão que no passado deu que falar, Jipes 4x4 até 3.500kg, exemplo Range Rover Evoque, BMW x6, Audi Q5 .

Obrigado.

FD em 04.01.2021. 19:10

@afonso em 04.01.2021. 16:39

Qual foi a dificuldade em utilizar o simulador?

FD em 04.01.2021. 18:57

@Paulino Mourão em 04.01.2021. 00:47

Não.

FD em 04.01.2021. 18:57

@FILIPE em 03.01.2021. 23:55

Há aí uma parcela no cálculo que me parece ter um erro, esta:

02. Componente ambiental 200 [co2] x 175 [tx] - 31000 [ded] 4.000,00 €

Esse carro deverá ser considerado NEDC e não WLTP, logo, não serão essas as taxas.
Serão estas:

02. Componente ambiental 200 [co2] x 186,47 [tx] - 30.274,29 [ded] 7019,71€

Que, no total, deve dar 2.109,38€ de ISV a pagar, mais do que os 1.811,13€ do modelo de 1965.

De qualquer forma, tudo depende das emissões de CO2 do modelo de 1977, até é possível que pague menos mas, em modelos antigos, essas emissões, medidas no centro de inspecções, são sempre elevadas, fazendo com que raramente modelos pós-1970 sejam mais caros do que modelos pré-1970.

FD em 04.01.2021. 18:30

@Alexandre em 03.01.2021. 17:49

O Mercedes 300h em 2021 já não é considerado híbrido no que ao ISV diz respeito.
Não tem autonomia mínima eléctrica de 50km e não emite menos de 50g/km de CO2.
Como tal, já não usufruiu do desconto que tinha anteriormente.
No simulador não pode colocar o visto na caixa que diz "Híbrido".

Para 4 anos de idade, gasóleo, 2143cm3, 99g/km CO2 paga 3.426,34€ em 2021.

afonso em 04.01.2021. 16:39

Audi A5 Sportback Sport quattro B&O*LED*VIRTUAL*5SITZ
€23,467 (Gross)

08 - AUDI A5 QUATTRO
Origin
German edition
Mileage
196.000 km
Cubic Capacity
2.967 ccm
Power
160 kW (218 Hp)

Boa tarde estou a pensar ir buscar este carro á Alemanha, alguém me pode dizer exactamente qual seria o valor final que teria de desembolsar ja com a matricula de pt? no fundo o valor final.

obrigado e bom ano

Paulino Mourão em 04.01.2021. 00:47

Estou a pensar ir buscar uma Renault Espace a França, o peso bruto do veículo são 2471 e 7 lugares, mas se incluir um reboque pode ir até aos 4471. A minha questão é, será que tem direito a redução do ISV de 50% ou não?
Obrigado.

FILIPE em 03.01.2021. 23:55

boa noite,
na sequençia da sua resposta ao facto de não ser possivel o valor do ISV ser superior para o mesmo carro com a mesma cilindrada mas de anos diferentes, Junto as simulações realizadas no Portal das Finanças .
com os meus cumprimentos



para o carro de 1965

Tabela ISV aplicável: B
01. Componente cilindrada 1800 [cc] x 11.41 [tx] - 11005.76 [ded] 9.532,24 €
02. Componente ambiental 0 [co2] x 0 [tx] - 0 [ded] 0,00 €
03. Taxa aplicável da tabela (9532.24€ + 0€) 95.00% 9.055,63 €
04a. Redução de Anos de Uso (Componente Cilindrada) Mais de 10 anos (9532.24€ * 95.00%) * 80% 80% 7.244,50 €
04b. Redução de Anos de Uso (Componente Ambiental) Mais de 15 anos (0€ * 95.00%) * 0% 0% 0,00 €
05. Agravamento Partículas 0,00 €
05a. Redução de Anos de Uso (Partículas) Mais de 15 anos 0€ * 0% 0% 0,00 €
06. Total ISV = [03 - 04a - 04b + 05 -05a] 1.811,13 €


para o carro de de 1977
Tabela ISV aplicável: A
01. Componente cilindrada 1800 [cc] x 5.08 [tx] - 5616.8 [ded] 3.527,20 €
02. Componente ambiental 200 [co2] x 175 [tx] - 31000 [ded] 4.000,00 €
03. Taxa aplicável da tabela (3527.20€ + 4000.00€) 100.00% 7.527,20 €
04a. Redução de Anos de Uso (Componente Cilindrada) Mais de 10 anos (3527.20€ * 100.00%) * 80% 80% 2.821,76 €
04b. Redução de Anos de Uso (Componente Ambiental) Mais de 15 anos (4000.00€ * 100.00%) * 80% 80% 3.200,00 €
05. Agravamento Partículas 0,00 €
05a. Redução de Anos de Uso (Partículas) Mais de 15 anos 0€ * 0% 0% 0,00 €
06. Total ISV = [03 - 04a - 04b + 05 -05a] 1.505,44 €

Alexandre em 03.01.2021. 17:49

Boa tarde
Fiz uma simulação com o seu simulador e o da finanças é existe uma diferença ainda significativa.
Será que me pode ajudar.
Mercedes c300 h
2143cc.
99 co2
28 11 2016
Gasóleo hibrida
No seu simulador 2055 eur
No das finanças 3107

Obrigada
Obrigada

FD em 03.01.2021. 15:30

@filipe em 03.01.2021. 14:59

Se são iguais (o mesmo modelo), têm a mesma cilindrada, não me parece possível que o de 1965 fique mais caro que o de 1977.

Pode dizer qual a cilindrada e o CO2 do de 1977, e os valores que calculou?

filipe em 03.01.2021. 14:59

bom dia,
uma pergunta sobre o ISv para carros importados de um estado membro,
tenho dois carros mesmo modelo mas de anos diferentes um de 1965 e o outro de 1977
quando o de 1965 me custava menos para legalizar , agora com as novas regras fica-me pelo o dobro do mais recente ,
havera qualquer alteração para carros anteriores a 1970 que ainda nao tenha sido contemplada ou vai se manter esta incoerência ?
com os meus cumprimentos

FD em 02.01.2021. 15:52

@Raquel em 02.01.2021. 08:50

Se por microcar se refere a um quadriciclo, veja aqui: tabela IUC quadriciclos.

Raquel em 02.01.2021. 08:50

Bdia comprei um microcar novo de ,2020 tenho que pagar o imposto circulação ou selo

FD em 01.01.2021. 13:55

@Paulo em 31.12.2020. 16:26

Se nunca teve matrícula, deve escolher "Novo comprado em Portugal".

FD em 01.01.2021. 13:53

@JorgeSilva em 01.01.2021. 11:46

Em princípio, 2021.
Mais informações: prazos e datas limite ISV.

JorgeSilva em 01.01.2021. 11:46

Bom dia. Um veículo que tenha começado a importação durante o final do mês de dezembro de 2020 e que o processo ainda não tenha chegado à alfândega (pagamento do ISV), está abrangido pelos valores de 2020 ou 2021?

Obrigado.

Paulo em 31.12.2020. 16:26

@Paulo em 30.12.2020. 13:13

O preço inclui tudo, desde que introduza o preço de compra e coloque o visto na caixa das despesas de importação. Aliás, as despesas de importação indicadas são para importações da Alemanha, despesas para importações de Espanha deverão ficar mais baratas.
Se o carro for matriculado em Espanha e não for comprado sem matrícula, o valor a ter em conta é o de menos de 6 meses e ou 6.000km.

O valor que indica de 35.460,24€ parece-me estar correcto pelos dados que fornece.
Atenção que depois (ou antes), deverá pedir para não pagar o IVA em Espanha ou deve pedir o reembolso depois de pago.
Mais informações: IVA na importação de carros.


Agradeço desde já a sua atenção
O carro é novo sem matricula e o valor que coloquei é o de compra sem o iva em Espanha. A minha dúvida é se o valor é novo em Portugal ou menos de 6 meses e 6000km novo na UE?
Obrigado e Bom Ano

FD em 31.12.2020. 10:16

@Luis em 30.12.2020. 20:03

Obrigado pela sugestão.
Terei que analisar e ver se há procura para tal, é que ainda dá algum trabalho criar os simuladores. :)

Luis em 30.12.2020. 20:03

Boa tarde,
Muito obrigado por disponibilizar toda esta informação de relevo tão bem agregada e simuladores de fácil utilização.
No entanto não encontro simulador para 2021 para o método de avaliação ou alternativo, nem tão pouco encontro no site da autoridade tributaria. Pelo que se me permite deixo aqui uma sugestão para tornar o bom ainda melhor!
Cumprimentos e votos de um bom ano.

FD em 30.12.2020. 14:11

@Paulo em 30.12.2020. 13:13

O preço inclui tudo, desde que introduza o preço de compra e coloque o visto na caixa das despesas de importação. Aliás, as despesas de importação indicadas são para importações da Alemanha, despesas para importações de Espanha deverão ficar mais baratas.
Se o carro for matriculado em Espanha e não for comprado sem matrícula, o valor a ter em conta é o de menos de 6 meses e ou 6.000km.

O valor que indica de 35.460,24€ parece-me estar correcto pelos dados que fornece.
Atenção que depois (ou antes), deverá pedir para não pagar o IVA em Espanha ou deve pedir o reembolso depois de pago.
Mais informações: IVA na importação de carros.

Paulo em 30.12.2020. 13:13

Boa tarde,
estive no vosso simulador, a simular a compra de um carro novo em Espanha. A minha questão é a seguinte, tenho de colocar novo em Portugal ou menos de 6 meses/ - 6000km UE.? O valor final que aparece no simulador, quando coloco o preço de compra já é com iva e todos os impostos?
Obrigado

Cilindrada em cm3
1618
cm³/cc

Cilindradas comuns
Emissões CO2
186
g/km CO2 WLTP
Combustível
Gasóleo Gasolina
Híbrido Híbrido Plug-in
Híbridos:
Mín. 50km autonomia eléctrica
Menos 50g/km CO2
Idade e origem do carro

Menos 6 meses ou 6.000km UE
Preço carro (opcional)
25000

(simulação mostrará total preço compra + impostos)
Incluir despesas importação +1.250€
(viagens, burocracia, seguros, etc. - detalhe)
Excepções e notas
Resultados da simulação
impostosobreveiculos.info
Gasolina
Dados da simulação 1618cm3
154g/km CO2
154g/km CO2 WLTP 2019
Preço compra 25000€
Data primeira matrícula UE Total 2020 Total 2021
O valor apresentado inclui o custo do carro
(excepto país não UE)

Novo UE ou até 6 Meses ou 6.000km
É obrigatório preencher o preço do carro (paga IVA) 36184.85€
cm3 2342.38€
CO2 2076.20€
ISV 4418.58€
IVA 6766.27€ 35947.83€
-237.02€
cm3 2342.38€
CO2 1883.50€
ISV 4225.88€
IVA 6770.09€

FD em 30.12.2020. 10:39

@Jorge Tavares em 29.12.2020. 21:23

Em qualquer veículo NEDC (até 2017), as emissões são mais ou menos iguais para as diferentes versões do mesmo modelo.
As variações na configuração que alteram os valores de CO2 são normalmente:
- motor, mais ou menos potência
- caixa de velocidades, automática/manual
- presença de tracção às quatro rodas (4x4/4WD)

Nestes casos pode-se guiar pelos valores dos anúncios, validando-os através da frequência com que determinada versão apresenta o mesmo valor.
Se, por exemplo, os anúncios dos Audi A4 2.0 TDI apresentam com mais frequência 110g/km de CO2, é de esperar que esse valor esteja correcto.

Em veículos WLTP (pós 2017) a coisa é diferente. Cada configuração tem um valor de CO2 único, mesmo que apenas mude pequenas coisas na configuração, por exemplo, o facto de pesar mais 100kg por ter mais equipamento ou o facto do tamanho da roda mudar, entre muitas outras coisas (tectos de abrir, barras de tejadilho, kits aerodinâmicos, etc.).

Seja como for, em qualquer um dos casos, apenas pode contar com o CO2 apresentado pela documentação dessa unidade específica - pode fazer médias mas, ao pagar os impostos, o único valor do CO2 válido é o dessa unidade, apresentado ou pelo livrete ou pelo COC, pelo que se tiver interesse numa determinada unidade, tem sempre que pedir essa documentação ao vendedor antes de se decidir pela compra. Atenção que nem sempre o valor anunciado é aquele que consta da documentação, muito cuidado com isto.

Dito tudo isto, a resposta exacta à sua pergunta: como conhecer as emissões CO2 de um automóvel - não existe nenhuma base de dados totalmente fiável com as medições CO2 de todos os modelos existentes.

Jorge Tavares em 29.12.2020. 21:23

Antes de mais, parabéns pelo site.
É uma ferramenta imprescindível para quem, como eu, pensa importar um carro.
Gostava de lhe colocar uma questão. Os valores das emissões por vezes variam de site para site na mesma viatura,
Existe algum local fidedigno para saber ao certo as emissões de determinada viatura?
Obrigado
Votos de um excelente ano de 2021.

Stefan em 29.12.2020. 10:32

Ok obrigado uma vez mais pelas informações e excelente esclarecimento.

Cmps.

FD em 28.12.2020. 14:04

@Stefan em 27.12.2020. 17:57

Nestes casos não se aplica a devolução do IUC.
Essa situação apenas se aplica a carros com a primeira matrícula na UE+EEE (que não é o caso, a primeira matrícula foi nos EUA).

O IUC irá ser para toda a vida do carro calculado pela data da matrícula nacional.
Isto é um problema sério para carros anteriores a 2007 mas, não é um problema relevante para carros posteriores a 2007-2010.
Carros entre 2007 e 2010 podem pagar entre 5% e 15% a mais.
Carros a partir de 2010 pagarão o mesmo IUC que os nacionais.

Os valores estão confirmados a 99%.
Quando ouvir nas notícias que o Presidente da República promulgou o Orçamento de Estado, estão confirmados a 99,99%.
Quando o Orçamento de Estado for publicado no Diário da República (em princípio antes do final do ano) estão confirmados a 100%.

Stefan em 27.12.2020. 17:57

Obrigado pelo esclarecimento.

Neste caso também é possível depois pedir devolução de parte do IUC?

E já agora aproveito para perguntar se os valores para 2021 já são definitivos e estão confirmados?

Obrigado uma vez mais e felicitações pelo excelente serviço aqui prestado.

FD em 27.12.2020. 15:37

@Stefan em 25.12.2020. 08:51

A lei, da interpretação que faço da mesma, aplica-se a qualquer veículo com uma matrícula UE, independentemente de anteriormente ter tido uma matrícula de um país não UE.

Assim, um carro importado dos EUA para a Alemanha:
- pagará ISV com desconto de idade se tiver matrícula alemã
- NÃO pagará ISV com desconto de idade se NÃO tiver matrícula alemã

Não esquecer no entanto que pagará IUC como sendo um carro não-UE.

Stefan em 25.12.2020. 08:51

Bom dia,
Para efeitos das alterações que vão entrar em vigor em 2021, um carro importado da Alemanha (documentação alemã), que tenha sido importado anteriormente dos Estados Unidos para a Alemanha, é abrangido pelos novos cálculos? Ainda não entendi se estão abrangidos os carros cujas primeiras matrículas sejam de estados-membros ou simplesmente importados de estados-membros, e ainda não estou muito esclarecido relativamente a este assunto.
O veículo em questão é de 2005, 4606cm3 e 312g/km co2.
Obrigado

FD em 23.12.2020. 15:44

@Albano Alves em 23.12.2020. 15:26

Pode presumir mas não pode ter certeza.

Conheço alguns modelos que têm DPF e ultrapassam o limite.
São casos diferentes, porque são motores maiores mas, existem.

Albano Alves em 23.12.2020. 15:26

Boa tarde.
Então posso presumir que se tiver filtro de partículas a emissão é inferior a 0,001g/km, certo?
Obrigado e Boas Festas

FD em 23.12.2020. 15:11

@Albano Alves em 23.12.2020. 12:54

O número exacto, sem COC, é difícil.
No entanto, desde que tenha filtro de partículas, normalmente cumpre o limite.

Para saber se tem filtro de partículas:
- vendo no autocolante que está normalmente na 2ª folha do manual, num documento parecido, ou até colado algures no carro, há-de ter o código 7GQ ou outro mais recente (será sempre 7G + outra letra), depois terá que ver num sítio que faça a descodificação destes códigos para ver se o código representa a presença do DPF (filtro partículas) (procure por "PR codes VAG database")
- através do VIN (número de quadro/chassis), alguns sítios descodificam todas as características do veículo, entre as quais a existência do filtro de partículas (pouco provável, as marcas já não partilham tanta informação como antigamente)
- perguntando directamente ao fabricante, com o VIN, se tem ou não filtro de partículas

O importante a reter é que cada unidade é diferente, a unidade 01 pode ter e a unidade 02 pode não ter, logo, não pode tirar conclusões sem ser através da documentação (do VIN) da unidade que está a pensar comprar.

Há outras formas mas são ainda mais complicadas...

Albano Alves em 23.12.2020. 12:54

Bom dia.
Tenciono importar um Seat Ibiza 1.2 TDI de 2012, estava a fazer as contas aos impostos mas não sei qual a quantidade de partículas/km que emite, como não possuo COC do veículo há alguma maneira de obter esse dado?
Obrigado

FD em 23.12.2020. 11:35

@Rui em 23.12.2020. 02:21

Razões concretas não lhe sei dizer, mas posso especular.

A maioria dos estados dos EUA não tem IVA ou se tem é marginal (chama-se sales tax 5%-10%).
Só aí, ficam mais baratos cerca de 20% em novos.

Existem tarifas aduaneiras que representam 10% do custo do carro mas só são cobradas normalmente num sentido, quando são exportados da Alemanha para os EUA, quando existe uma reimportação, normalmente, essas taxas não são cobradas.
O IVA é cobrado na reimportação mas, é sobre o valor de usado e não sobre o valor de novo, o que significa mais alguns milhares de diferença de preço.

Depois, os EUA são pelo que sei o segundo maior mercado mundial da Porsche (o primeiro é a China), o que normalmente lhes dá melhores preços de fábrica (mais quantidade, melhores preços).
Mesmo neste sentido, quando a margem bruta é suficiente (como é o caso da Porsche), há fabricantes que adaptam os seus preços ao que o mercado está disposto a pagar, o que pode traduzir-se em valores de custo de fábrica significativamente inferiores nuns países (Portugal é um dos casos por causa da fiscalidade).

Adicione-se isto ao facto de ser um mercado de condução com volante à esquerda (encontra Porsches mais baratos no Reino Unido mas o volante está do lado errado...), de ser uma nação com uma carga fiscal muito menor (logo, com menos necessidade de retorno financeiro por unidade), de ser um mercado enorme, de ter um comportamento de desvalorização de usados significativo, aliado a um hábito relativamente entrosado de leasing (aluga-se o carro, devolve-se ao fim de x anos e a renda é "eterna") nos segmentos mais altos do mercado e, penso que, encontramos algumas boas razões para terem unidades usadas com melhores preços que o mercado de origem.

Por outro lado, não sei de que unidades e de que comerciantes está a falar.
Olhando pelo lado negativo, podem-se dar dois cenários:
- importação de unidades que a legislação americana não deixa voltar ao mercado ("vítimas" de inundações, de tempestades de granizo, de acidentes, etc.) mas cujo histórico é "perdido" no oceano Atlântico, são reparados em países de Leste com custos mais baixos e enviados para venda na Alemanha
- algum esquema fiscal mais rebuscado que lhes permite poupar dinheiro (carrossel IVA, entrada por outros países UE com outro tipo de regras ou conhecidos por terem uma maior percentagem de esquemas ilegais ou corrupção, etc.)

Ainda, se forem automóveis considerados clássicos, há formas de pagarem muito pouco imposto.

Se puder partilhar alguns exemplos, posso ver melhor e analisar mais exaustivamente quais as razões concretas para tal acontecer.

Quanto à diferença para Portugal, não tem muito que saber: vindos de fora da UE, cobramos ISV como se fossem novos e além disso, sobre esse ISV, ainda cobramos IVA a 23%.
Ou seja, se pagarmos 20.000€ de ISV, ainda temos que pagar 4.600€ de IVA apenas sobre esse imposto (depois ainda falta cobrar o IVA sobre o valor do carro e sobre o valor das tarifas aduaneiras)...

Rui em 23.12.2020. 02:21

Importar automóvel dos USA.
Parabéns pelo site em primeiro lugar.
Estou a pensar em importar um Porsche.
Inicialmente a ideia seria da Alemanha, porque seria o óbvio, pelo preço, variedade de escolha, etc.
No entanto depois de consultar o que existe na Alemanha, verifiquei que muitos dos que eles têm à venda foram importados dos USA.
Quando fiz a simulação aqui no site, o valor do imposto era brutal.
Faz ideia como eles conseguem ir buscar carros aos Estados Unidos fabricados na Alemanha e venderem mais baratos do que os de lá, e para nós ser muitíssimo mais caro?

FD em 22.12.2020. 10:25

@João em 21.12.2020. 19:43

A legislação numa primeira versão não colocava como condição o facto de não poder ser 4x4.
Depois alteraram a lei para que essa passasse a ser uma condição.

Ou seja, se quiser importar hoje uma classe R, não vai conseguir o desconto porque acho que são todas 4MATIC (4x4).

João em 21.12.2020. 19:43

Caro FD,
No caso do desconto dos monovolumes porque é que diz que em tempos já se aplicou na Mercedes classe R?
Estava pensar importar uma R longa 320cdi de 2006 que tem um peso bruto bem superior aos 2500 KGS. Não terá a mesma o desconto dos 50% sobre o ISV?
Obrigado e cumprimentos

FD em 21.12.2020. 10:44

@João em 20.12.2020. 23:49

O cálculo do ISV será feito conforme os parâmetros 2006 UE.
A este título sugiro que leia o que diz o n.º 2 do artigo 11.º do Código do ISV - verá que na definição de tempo de uso não se especifica o país da primeira matrícula pelo que contará como data a da matrícula do Japão.
Este é o meu entendimento - numa decisão deste tipo sugiro que contacte a AT para ter certeza absoluta desta questão.

Por outro lado, o cálculo do IUC já não será assim... nesse caso o cálculo é feito pela data da matrícula portuguesa, uma vez que a primeira matrícula foi num país fora UE.
Ou seja, pagará IUC como se fosse de 2021.

FD em 21.12.2020. 10:34

@Paulo em 20.12.2020. 16:24

Sim, é válido para todos os ligeiros de passageiros excepto os indicados no texto , na secção "Veículo não abrangidos".

João em 20.12.2020. 23:49

Boa noite, tenho ideia que esta dúvida ainda não foi esclarecida, mas se já foi peço desculpa.

Estou quase a comprar um carro (vou esperar pelo próximo ano obviamente) mas o carro em questão tem um senão, possivelmente.

O carro é de 2006 e foi comprado novo no Japão, portanto, a primeira matrícula é japonesa e foi importado para a Alemanha e matriculado em 2018.

A minha questão é.. o cálculo do ISV e subsequentemente do IUC é feito com base em que parâmetros? '2006 UE', '2018 UE' ou '2006 não UE'? Presumo que '2006 não UE' esteja fora de questão, mas como estamos em Portugal nunca se sabe...


Agradeço desde já o esclarecimento.

Paulo em 20.12.2020. 16:24

Boa tarde. Este simulador também serve para veículos 4x4? Por exemplo jipes land cruiser ou outros?

FD em 17.12.2020. 14:52

@ricardo em 17.12.2020. 09:10

Peso bruto = tara + carga máxima = peso do carro + peso máximo que suporta (passageiros e carga).

Este desconto aplica-se a qualquer veículo que cumpra todas as condições, mesmo que não tenha qualquer semelhança com um monovolume como a Sharan (em tempos até se aplicou ao Mercedes R).

Quando vê as especificações tem que ver do modelo que foi homologado para Portugal.
O que acontecia algumas vezes é que o importador nacional pede à fábrica alterações técnicas que permitem o aumento do peso bruto (reforço de eixos e suspensões) e encomenda assim modelos específicos para o nosso país.
Por exemplo, a Sharan "portuguesa" teria um peso bruto homologado de +2.500kg e a alemã de apenas 2.200kg (número hipotéticos, pelo que escrevo mais abaixo já não é assim).

Do que vi agora, a Sharan "nova" portuguesa anuncia um peso bruto admissível de 2.450kg pelo que em teoria não usufruiria deste desconto actualmente. No entanto, se usar os dados que estão na mesma página e somar a tara à carga útil máxima, dá 2.525kg, pelo que já usufruiu do desconto. Já no folheto de especificações internacional (https://www.volkswagen-newsroom.com/en/publications/price-lists/technical-data-golf-sharan-issue-01-11-2018-55), o peso bruto da versão TDI é 2.520kg. Desconheço as razões pelas quais a apresentação dos dados é feita assim.

Experimentei ver no sítio da SEAT mas, não dispõe das características técnicas (peso bruto) da Alhambra, nem no catálogo.

Acontece, por exemplo, exactamente o mesmo com o novo Land Rover Discovery Sport 4x2 que também usufruiu deste desconto em Portugal e não é nenhum monovolume.

FD em 17.12.2020. 14:22

@Michael Fabien em 17.12.2020. 01:55

Não são exactamente essas quantias (aqui dá 7350,18€ e 2032,76€) mas, sim, está correcto, em 2021 o valor do ISV irá baixar muito nesses casos.

ricardo em 17.12.2020. 09:10

Bom dia

Queria que me clarifica-se o que entende por peso bruto, porque fala que este desconto se aplica a monovolumes Sharan, (que tem um peso de 1845 kg) mas depois nós vamos ver o peso destes carros e nenhum tem mais de 2500 Kg, logo ficam todos excluidos deste desconto.

"veículos 7 lugares e +2.500Kg peso bruto sem 4x4 (a isenção dos chamados monovolumes Sharan, Alhambra, etc.) - têm um desconto de 50% no ISV, faça a simulação normalmente, depois, divida por 2, é esse o valor de ISV a pagar"

já agora queria que me clarifica-se se este desconto tambem se poderá aplicar a carrinhas do tipo mercedes vito, ou a um bmw X5 de 7 lugares com traçao as duas rodas.

Muito obrigado, e parabéns pelo excelente trabalhos

Michael Fabien em 17.12.2020. 01:55

Boa noite, estou em vias de importar um carro 1798cc 198co2 2004 gasolina (raro cá).
Conto que chegue antes do final do ano para o poder legalizar apenas em janeiro e usufruir dos novos valores.

A minha questão aqui é, neste momento (2020), o ISV são 7.346,11€ e segundo o simulador e todos os artigos que aqui li significa que apartir de 2 de Janeiro vou pagar de ISV 2.028,70€?

Aguardo resposta e desde já os meus parabéns pelo site.

FD em 14.12.2020. 11:03

@Ricardo Rodrigues em 13.12.2020. 20:38

Tenho que aperfeiçoar o simulador para ser mais claro.

Leia a secção "Híbridos" do texto por baixo do simulador, está lá explicado.

FD em 14.12.2020. 08:58

@mike v em 13.12.2020. 14:28

Leia por favor: Brexit - importar um veículo do Reino Unido (UK).
Tanto quanto sei, não existem desenvolvimentos além dos que estão nessa página.

Ricardo Rodrigues em 13.12.2020. 20:38

Peço desculpa mas ainda não consegui perceber uma questão...se for possível esclarecer-me agradeço:

Os híbridos plug-in a partir de 2021 passam a ser taxados com veículos a gasolina apenas?
Porque no simulador acima disponibilizado aparece na mesma o campo de preenchimento para os híbridos plug-in

Obrigado

mike v em 13.12.2020. 14:28

já há novidades quanto a carros provenientes do reino unido?

FD em 08.12.2020. 12:43

@Mario oliveira em 07.12.2020. 20:30

Acabei de fazer a simulação nos dois simuladores e a mim dá-me exactamente o mesmo valor.

Mario oliveira em 07.12.2020. 20:30

É um 1560cc com 88 co2 de 07/2013

<< Primeira < Anterior [1 / 2] Seguinte > Última >>

Escrever um comentário ou colocar uma dúvida

POR FAVOR leia a página toda antes de fazer perguntas que já estão respondidas no texto principal! Obrigado.

:

:

:


Em que ano é que estamos?

Por uma questão de rapidez na resposta e de poupança de espaço, considere que as minhas respostas incluem sempre os normais cumprimentos. :)

Acerca do impostosobreveiculos.info | Contacto

Todas as informações pretendem ser de leitura clara, simples e acessível, com o objectivo de constituirem um primeiro acesso à informação pretendida.
Por essa razão, poderão não ser totalmente completas ou tecnicamente exactas. No entanto, são dadas de boa fé e com base fundamentada na legislação em vigor.
Devido ao contexto e unicidade de cada caso, sempre que necessário, todas as informações deverão ser validadas por escrito junto da entidade oficial responsável.

Todos os direitos reservados - é permitida a cópia ou reutilização de partes deste sítio desde que seja atribuída a sua origem e autoria.
Política de Privacidade e de Tratamento de Dados Pessoais