Tabela Imposto Único Circulação (IUC) 2014

Como aconteceu no ano anterior, apresento aqui os valores definitivos do IUC (Imposto Único de Circulação) para 2014 (a tabela de 2013 está aqui).

Esta informação é definitiva, e reflecte a Lei n.º 83-C/2013 (Orçamento de Estado para 2014).

Este ano surge uma taxa adicional a ser aplicada a todos os automóveis ligeiros de passageiros a gasóleo (que se enquadram nas categorias A e B).

O IUC é um imposto anual que incide sobre a propriedade (e não sobre a circulação), pago até o veículo ser abatido e actualizado todos os anos em Janeiro. É o imposto que substitui o antigo "selo do carro" e não deve ser confundido com o ISV, que é um imposto pago apenas quando o veículo é matriculado pela primeira vez (em novo ou como importado usado) e que já está incluído no preço de venda no caso dos novos.

Para saber como deve proceder para pagar o IUC, por favor consulte o guia passo a passo.
O pagamento é feito sempre no mês da matrícula do carro ou no mês anterior. O pagamento do IUC quando compra um carro novo ou importa um usado deve ser feito pela primeira vez até 90 dias depois da data da matrícula.

Relembro que o que conta para calcular o pagamento do IUC é sempre a data da matrícula portuguesa e não a data de fabrico do automóvel. Logo, os automóveis usados importados pagam consoante a data da matrícula portuguesa e não consoante a data de fabrico ou da matrícula do país de origem.

Ser tiver dúvidas, consulte as respostas para as dúvidas mais comuns sobre o IUC.

Nos veículos com matrícula a partir de 1 de Julho de 2007, deverá somar o valor obtido a partir da cilindrada com o valor obtido a partir das emissões de CO2. Pode obter esta informação no Documento Único Automóvel.

Veículos matriculados antes de 1 de Julho de 2007 (até 30 Junho de 2007)

Gasolina Cilindrada Outros (Gasóleo, etc.) Cilindrada Movidos a electricidade
Voltagem total
Posterior a 1995 De 1990 a 1995 De 1981 a 1989
Até 1.000 Até 1.500 Até 100 17,64 € 11,12 € 7,81 €
Entre 1.001 e 1.300 Entre 1.501 e 2.000 Mais de 100 35,41 € 19,90 € 11,12 €
Entre 1.301 e 1.750 Entre 2.001 e 3.000 55,31 € 30,92 € 15,51 €
Entre 1.751 e 2.600 Mais de 3.000 140,34 € 74,02 € 31,99 €
Entre 2.601 e 3.500 254,85 € 138,78 € 70,67 €
Mais de 3.500 454,06 € 233,24 € 107,17 €

Taxa adicional (somar ao total das tabelas anteriores) a cobrar em todos os veículos ligeiros de passageiros a gasóleo com matrícula anterior a 1 de Julho de 2007

Cilindrada Posterior a 1995 De 1990 a 1995 De 1981 a 1990
Até 1.500 cm3 3,14 1,98 1,39
Mais de 1.500 cm3 até 2.000 cm3 6,31 3,55 1,98
Mais de 2.000 cm3 até 3.000 cm3 9,86 5,51 2,76
Mais de 3.000 cm3 25,01 13,19 5,70

Veículos matriculados a partir de 1 de Julho de 2007 (inclusive)

Cilindrada Taxa Emissões CO2 Taxa
Até 1.250cm3 28,15€ Até 120g/km 57,76€
Mais de 1.250cm3 até 1.750cm3 56,50€ Mais de 120g/km até 180g/km 86,55€
Mais de 1.750cm3 até 2.500cm3 112,89€ Mais de 180g/km até 250g/km 187,96€
Mais de 2.500cm3 386,34€ Mais de 250g/km 321,99€

Nesta categoria de veículos (B - ligeiros matriculados a partir de 1 de Julho de 2007) de forma a não prejudicar veículos mais antigos, existe uma forma de diferenciar os veículos consoante o ano.
Isto é conseguido através da aplicação de um coeficiente, obtido através do ano de aquisição e de acordo com a seguinte tabela.

Ano de aquisição Coeficiente
2007 1,00
2008 1,05
2009 1,10
2010 e seguintes 1,15

Para calcular o valor a pagar terá que: somar a parcela da cilindrada à parcela das emissões e depois multiplicar esse resultado pelo número da tabela acima de acordo com o ano do carro.
Exemplo: um carro de 2008, a gasolina com 1.300 de cilindrada e 150g/km de emissões de CO2 pagará (55,94 + 85,69) * 1,05 = 148,71€.

Taxa adicional (somar ao total das tabelas anteriores) a cobrar em todos os veículos ligeiros de passageiros a gasóleo com matrícula a partir de 1 de Julho de 2007 (inclusive)

Cilindrada
Até 1.250 cm3 5,02
Mais de 1.250 cm3 até 1.750 cm3 10,07
Mais de 1.750 cm3 até 2.500 cm3 20,12
Mais de 2.500 cm3 68,85

Veículos comerciais de transporte particular com peso bruto inferior a 12t

Peso Bruto Taxa
Até 2.500kg 32,00€
De 2.501kg a 3.500kg 52,00€
De 3.501kg a 7.500kg 123,00€
De 7.501kg a 11.999kg 200,00€

Motociclos, ciclomotores, triciclos e quadriciclos

Cilindrada Posterior a 1996 Entre 1992 e 1996
De 120 até 250 5,49€ 0
Mais de 250 até 350 7,77€ 5,49€
Mais de 350 até 500 18,77€ 11,10€
Mais de 500 até 750 56,40€ 33,21€
Mais de 750 122,47€ 60,07€

15.10.2013. 10:05

miguel em 22.05.2016. 23:25

Aqui no Brasil tbn é uma roubalheira nos impostos,aqui tem o IPVA,Seguro e Licenciamento,tudo isso paga anualmente.tipo um carro de 1000cc ano 2009 vc pagaria um salário minimo somando todos os impostos do carro,é mole.

Luís Cerqueira em 23.08.2015. 21:39

Supostamente o valor pago pelos carros a seguir a junho de 2007 não é pago no acto de aquisição do veículo. Então porque é que os carros continuam caríssimos? Em relação a um post de um senhor que estava preocupado com o fumo preto dos carros anteriores a 2007, emissão de gases e a cor do fumo nem sempre estão relacionados.

Gil em 10.07.2015. 18:25

Continuem a votar psd cds e ps... Broncos.

marco em 23.03.2015. 22:02

bem para quem nao sabe tanto este governo como o outro e o que vai vir ai vao sempre andar a roubar o cidadao impostos pra li impostos pra qui!!!mas o que mete mais nojo neste pais é que se pagares podes ter no carro as coisinhas que cada pessoa gosta (vidros fumados ou escuros pneus mais largos e outras peças que precisas de pedir autorizaçao e pagar para por!!! mas se tiveres no carro algo que nao pagas levas multa na hora !!! mas se pagares ja podes por!! granda negocio isto de inventar impostos é que esta a dar amigos !! e dpois vem a ministra e governo dizer (temos os cofres cheios)á pala dos roubados (cidadao portugues)!!

Felix em 31.01.2015. 23:24

Resposta ao senhor Caristo:o sr fala que se as pessoas não pedem fatura que os comerciantes fogem,coitados 98% ganham menos que um qrdenado mínimo nacional,se o sr se tem duvidas vá se por á porta do comercio e veja,as grandes superfícies essas sim que ganham e não pagam impostos,porque estão filiadas em paraizos fiscais,ainda por cima recebem incentivos do estado,são apoiados pelo governo,quando abrem mais uma superfície as camaras fazem-lhe os acessos á pala do povo.Conclusão os pequenos comerciantes quando nas eleições nunca dão nada aos partidos para as campanhas ao contrario dos grandes,o sr cariso qualquer dia quando quizer beber um café tem de ir ás grandes superfícies que entretanto o resto já faliu ,pense nisso.

NUNO RAMOS em 28.01.2015. 11:36

Viva portugal terra de ladroes enfim, a ladroagem do costumee

same em 27.01.2015. 10:27

COMO pode ser que num selo automóvel de 30€,
agora tenha que pagar 149€ só de multa e juros porque
não paguei na data correta. E este valor a pagar não inclui
o selo em atraso.
E se não pagar até ao fim do mês é imposto mais coima e
juros, e isto não para, não à um montante limite.
Alguém tem alguma solução?

daniel em 26.01.2015. 22:31

Ladroes do Governo Portugues. Uma porcaria dum 2000tdi paga 230euros!!! Portugal pais que expulsa os seus cidadaos e explora os que nao conseguem sair!!!! Obrigado

VMS em 11.01.2015. 14:59

Depois de tudo o que li, apenas concluo que devemos todos votar sim sem que ninguém falte na mesa de voto, mas por favor anulem tudos o voto com uma cruz de alto a baixo sem excepção, assim provar a todos os politicos que o povo não dorme, Portugal está vivo e atento atoda a falta de competência da classe politica que apenas vêm uma coisa interesses próprios e dos seus amigos. Viva Portugal de cabeça levantada.

Foguetes.... em 08.01.2015. 23:53

Têm o que merecem. O povo é elegeu esta gente...

pedro em 02.01.2015. 23:02

um carro a gasóleo de junho de 2013 com 90cv e 1500 de cilindrada quanto paga de imposto unico de circulação?
alguem me pode ajudar?
obrigado

pedro em 02.01.2015. 23:02

um carro a gasóleo de junho de 2013 com 90cv e 1500 de cilindrada quanto paga de imposto unico de circulação?
alguem me pode ajudar?
obrigado

Ana Maria em 27.12.2014. 00:49

Roubaram-me um carro em março de 2007,as finanças exigem-me o pagamento iuc do dito veículo. Tenho documentos das autoridades em como o carro não apareceu até à data, mas a abaração do IMTT não quer cancelar a matrícula derivado a que esta mesma tem um domínio de propriedade de uma financeira falida. Eu não estou a vender,trocar ou desmanchar o carro, só quero cancelar a matrícula de um carro que já não existe. Onde mora o tribunal constituicional? A quem posso pedir auxilio?1

Hélio em 12.12.2014. 19:33

só em portugal é k se vê estas leis dos iuc, pagam-se iuc carissimos e se não se pagam dentro do prazo vêm penhorar nos fraquinhos e miseraveis ordenados k nós temos, iuc mais a respectiva multa isurbetante de 25€ cada e como se isso ainda não bastasse mais tarde voltam a penhorar dos ordenados valores absurdos de custas do processo isto por um só carro para pessoas k tem mais k um carro e por varios anos até ao cancelamento de matricula imaginem os valores k roubam ao zé povinho, é uma vergonha!!!

Filipe Silva em 11.12.2014. 20:21

Só em Portugal palhaçada autêntica merece protesto manifestação etc..!!! Ladrões

Justiceiro em 09.12.2014. 12:13

Ze povinho tas fdd, paga e não bufes...

daniel diogo em 09.12.2014. 10:12

ridiculo tenho um carro 2.0 gasoleo de 170 cv de 2008 pago 220 euros de imposto, passou agora na inspeção em que o teste de gases que saem do escape deu ZERO(DENTRO DAS MARGENS DOS CENTROS DE INSPEÇÃO PERMITIDAS POR LEI). E vejo todos os dias carros matriculados antes de Julho de 2007 que deitam fumo preto pelo escape que é uma loucura e pagam apenas 30 a 50 euros de imposto de circulação.O meu carro tem filtro de particulas e se avariar ainda pago 1500 de arranjo.Não de via ser ao contrario??Os carros mais antigos é que deviam pagar mais imposto?

Pedro em 06.12.2014. 18:18

So tenho uma palavra para isto! (vergonha)

zé povinho em 01.12.2014. 13:08

Fdx acabei de pagar uma taxa adicional no meu carrito a gasoile, agora não há prendas para ninguém...

Daniel em 28.11.2014. 16:40

Não sejas Murcão.......factura....... não!!!!!!!

Carlso em 25.11.2014. 00:50

Ridículo é não mudarmos de mentalidade, continuarmos a dizer que o Governo nos rouba. E nós, não roubamos o Governo? Pagamos todos os impostos? Pedimos muitas facturas? NÃO! É claro que o Governos cobra mais impostos, porque assim o queremos. Vamos ao café, pedimos o café, pagamos 0,65€ e o IVA bate na conta bancária do dono do café, não nos faz o desconto do IVA e o dinheiro do imposto que o dono do café guarda, vai ser retirado noutros impostos que NÓS vamos pagar. É fácil de entender. Este governo aumentou impostos? Claro, o anterior Governo governou com facilidade económica; era tudo bonito, era a fuga fiscal à brava, tudo à grande e depois a fonte esgotou e o actal Governo veio governar sem grandes margens, com a Troika cá a governar também e tem que reparar coisas mal feitas durante anos e anos! Vergonhoso é ver alguém com o Mercedes C320 de 2005, Leon de 2012 e 308 (suponho que novo, devido ao valor do IUC) a queixar-se. Não se queixe, não tem razão para isso. Olhe para pessoas com deficiências a lutar; veja o seu vizinho que mal come; e depois pense se se pode queixar da sua vida e do IUC. Mudemos de mentalidade, denunciemos casos de burla e de roubo ao Estado e isto irá para a frente. Não podemos querer os direitos dos Alemães e dos Nórdicos, sem ter os deveres!

Fernando em 19.11.2014. 18:13

tenho um carro importado de 2002 e matriculado em 2008 posso pedir matriculas do ano dele aqui em portugal.obrigado.

mikel em 18.11.2014. 21:00

são todos uma cambada de gatunos farejam tudo para ver onde podem roubar os pobres os da laia deles"governo" como os senhores merdas do BES e outros como tais nao se passa nada nao e por nada mas estes srs mereciam era uns tipos como os da ETA so atras deles filhos da puta

victor em 13.11.2014. 18:10

Tenho un carro matriculado en 1981 y a pregunta e ¿ ainda tenho de pagar impostos por el ?

paula em 12.11.2014. 22:30

Um carro a gasolina 1200 de 2007 de dezembro paga quanto de selo ?

Amag em 11.11.2014. 16:44

agaci em 20.04.2014. 15:50

Se passarmos a andar todos de bike o imposto para estes veículos aparece espontaneamente, não tentem!

Claro. A solução não está em nos adaptarmos dessa maneira. Temos que voltar a ter o poder de volta. Não podemos deixar que sejamos governados desta maneira.

Está na hora de deixarmos de ser egoistas, de olhar apenas para o nosso umbigo e fazer algo pela comunidade. Que consequentemente nos vai beneficiar. É isto que o povo Portugues precisa de compreender e aplicar.

Estes comentarios são necessários, debates tambem, mas não podemos ficar por ai. É preciso acção. Palavras já não chegam. Não pensem que vai ser fácil, porque quem tem o poder vai fazer tudo para o manter.

Mas já que deixamos chegar ate aqui agora pagamos o preço de reverter as coisas. Se tivermos forças para tal claro. Senão iremos viver sempre sobre esta forte repressão e continuaremos mais 30 ou 40 anos a cuspir comentarios como uma forma de desabafo e nada mais.

Bem haja a todos.

PS: Não esperem que nenhum "lider" ou "iluminado" venha nos salvar. Os que vem as coisas como estão ou se resignam ou abalam para outro pais. Hoje em dia já ninguem dar a carne.

Justiceiro em 11.11.2014. 10:05

Engraçado como as pessoas estão indignadas e que estão fartas, e depois não fazem nada. Ainda não perceberam que Portugal é um país pacifico e não acontece nada. Eles continuam a roubar e desviar fundos e mundos e nós comemos e calamos. greves, manifestaçoes, isso é coisa de criancinhas. isto so la vai com golpe de estado, e arrumar 90% do parlamento. Claro que nao sou extremista ao fim de decapitar pessoas, isso é horrendo, mas eles tem que perceber que o povo é que manda e nao eles. foi só um desabafo como outros tantos...

José Martins em 06.11.2014. 03:24

Com esta seita cada vez ambiciono menos ter o que quer que seja. Fujam! e votem em branco

OR em 30.10.2014. 10:38

VERGONHOSO!!!!

Dulce em 28.10.2014. 18:57

É possível as custas e coima do imposto de circulação do ano 2014, do mês de janeiro pagar 127,63€? a carrinha tem estado parada por isso ainda não o liquidei e agora recebo carta das finanças com a coima e custas neste valor, mais o imposto em falta de 74€, não devia pagar só 25€ por pagar fora do prazo, mas no mesmo ano? algum me ajude a esclarecer se sou obrigada por lei a pagar!!!

<< Primeira < Anterior [1 / 6] Seguinte > Última >>

Escrever um comentário


Por manifesta falta de tempo, não me é mais possível responder às questões colocadas, como acontecia até agora. Tenha isso em consideração quando colocar o seu comentário, obrigado.
COMENTÁRIOS COM LINGUAGEM IMPRÓPRIA SERÃO APAGADOS!

:

:

:


Em que ano é que estamos?