Simulador ISV 2019

Nesta página: simulador que calcula o ISV e IUC a pagar por automóveis ligeiros de passageiros novos, usados importados, da UE e fora da UE.

Cilindrada em cm3
cm³/cc
Excepções e notas
Resultados da simulação
impostosobreveiculos.info
Os resultados da simulação aparecerão aqui.
Porém, ainda não preencheu todos os dados necessários para que a simulação possa ser feita.
Complete pelo menos os campos Cilindrada e Emissões CO2.

Excepções e notas

Para que o simulador seja rápido e relativamente simples, optei por incluir apenas os casos mais comuns pelo que, não simula veículos 7 lugares e +2.500Kg peso bruto, exclusivos GPL/GNC, anteriores a 1970, veículos de mercadorias, autocaravanas (simulador ISV autocaravanas) e motos (simulador ISV motos).

No valor indicado assume-se que o carro a gasóleo tem filtro de partículas (todos os carros recentes têm). Se o carro não tiver filtro de partículas, há uma taxa adicional de 500€, que não aparece na simulação. Esta taxa não se aplica a carros a gasolina.

Carros com menos de 6 meses de matrícula ou menos de 6.000 km pagam sempre 23% de IVA em Portugal, independentemente de o terem pago no país de origem. Se na simulação não colocou o preço do carro, apenas será acrescentado IVA ao valor do ISV. Deverá indicar o preço do carro para uma simulação correcta.

Carros exclusivamente eléctricos não pagam ISV na importação (ou IUC). Só pagarão IVA e taxas aduaneiras se importados de países fora da UE.

Voltar ao simulador

WLTP

Coloque o visto na caixa WLTP apenas e só se as emissões de CO2 do carro tiverem sido homologadas pela norma WLTP.
Para saber se um carro foi homologado usando a norma WLTP deverá consultar a documentação do carro - o DUA, o Certificado de Conformidade ou equivalente.
Normalmente, nenhum carro comercializado antes de 2018 foi homologado usando a norma WLTP. Na dúvida, não coloque o visto na caixa WLTP.

Se na documentação aparecerem ambos os valores NEDC ou NEDC2 e WLTP, os valores a serem considerados para pagamento do ISV e IUC serão sempre os WLTP.

Se na documentação não aparecer qualquer referência ao protocolo WLTP, isso quererá dizer que a medição utilizou o protocolo NEDC.

Nunca use os valores do protocolo NEDC2 - não são aceites.

Tenha em atenção que deve ter algum cuidado em fazer comparações directas entre o resultado da simulação com WLTP e sem WLTP.

A comparação, a ser feita, tem que ser NEDC/2018 vs WLTP/2019.
O problema é que nem todos os fabricantes divulgaram as emissões WLTP, mesmo que as tenham medido. Isto porque existe uma medição intermédia obtida através de um simulador que "converte" as medições WLTP em medições NEDC2, que deve ser usada entre Setembro e Dezembro de 2018.

Ao se fazer a comparação NEDC2/2018 vs WLTP/2019 fica-se com a impressão que se poupa dinheiro mas, pode não ser isso que acontece. Não digo que não aconteça em alguns casos mas, não é linear.

É um pouco confuso, e o simulador é simplificado ao máximo para que seja utilizável mas, é importante ressalvar que a se poder fazer a comparação, só com os valores WLTP de 2019.
Neste momento, no simulador, a comparação que está a ser feita é NEDC2/2018 vs NEDC2/2019 ou, se colocar o visto na respectiva caixa NEDC2/2018 vs WLTP/2019.
Só sabendo os valores WLTP em 2018 e em 2019 é que se pode fazer uma comparação fidedigna.

Voltar ao simulador

Dúvidas, problemas ou sugestões

Se tiver uma dúvida, um problema ou quiser fazer uma sugestão, use por favor a caixa de comentários mais abaixo.
Estou sempre a melhorar esta página e gostava de contar com a sua ajuda. Obrigado.

13.10.2018. 12:00

FD em 03.04.2019. 15:57

@Carros em 03.04.2019. 15:40

Essa questão também está e sempre esteve referida na secção "Excepções e notas".

Carros em 03.04.2019. 15:40

Tem atenção a fazer a simulação neste site porque não tem o agravamento de partículas, assim o valor final não esta certo.
O administrador do site convém fazer essa alteração.
Cumprimentos

FD em 02.04.2019. 18:56

@helder ribeiro em 02.04.2019. 16:46

Essa questão está e sempre esteve indicada nesta página, na secção "Excepções e notas".
Vou tentar colocar essa informação mais visível.

Ainda pode reaver o IVA pago na origem: IVA na importação de carros ou motos.

helder ribeiro em 02.04.2019. 16:46

Olá boa tarde
Fiz a simulação de um automóvel e tudo bem.
Só tem um pormenor, é que na simulação não fala em km e no meu caso lixei-me porque, o carro tem 7 meses mas só tem 1000km e para o legalizar terei de pegar o IVA.
Era do colocar que o carro para ser considerado usado tem de ter no minimo 6000km, para não induzir ninguem em erro.
Cumprimentos, Hélder Ribeiro

FD em 02.04.2019. 10:49

@Ana em 02.04.2019. 10:35

A Polónia pertence à UE logo, terá exactamente o mesmo tratamento fiscal que qualquer outro país da UE.
A existir alguma despesa extra será por causa de algum procedimento de anulação do registo ou similar na Polónia.

Em Portugal, em termos de legalização, importar da Polónia ou da Alemanha é exactamente a mesma coisa.

Ana em 02.04.2019. 10:35

Olá
Existe alguma diferença de importar carros da Polónia?
Algum tipo de imposto extra iva no país ou assim
Obrigada

FD em 02.04.2019. 10:09

@Tiago em 01.04.2019. 15:01

Quanto à compra e legalização, leia por favor: como legalizar carros importados.

O IVA é calculado conforme a idade do carro, desde que escolha uma idade onde o IVA é devido e, desde que insira o valor do carro, o simulador inclui o IVA a pagar.
Se é um carro de 2010 a 2011, desde que pague IVA na origem, não paga IVA em Portugal.
Mais sobre isto: IVA na importação de carros ou motos.

Tiago em 01.04.2019. 15:01

Boa tarde
Estou a pensar importar um carro , ainda não escolhi bem qual , pois tenho bastantes ideias , mas será um carro entre 1.6 e 2.0 de cilindrada , entre o ano 2010 e 2011

Irei comprar em Espanha provavelmente, o que tenho de fazer para o ir buscar e trazer para Portugal a conduzi-lo e quanto gasto para o legalizar cá ?

Os valores da tabela de simulação inclui iva ou o valor dado é sem iva ?
Peço desculpa pelo texto , mas preciso mesmo de ajuda para me decidir

FD em 01.04.2019. 09:47

@Antonio em 31.03.2019. 21:56

Sim, o COC pode estar em alemão.

Antonio em 31.03.2019. 21:56

Obrigado,
Relativamente ao COC, pode ser em alemão?
O stand apenas me deu uma copia em alemão.

FD em 30.03.2019. 12:06

@Antonio em 30.03.2019. 10:09

Está aqui: Despesas para importar carros usados da UE.

FD em 30.03.2019. 12:04

@Luis em 30.03.2019. 00:48

Leia isto por favor: IVA na importação de carros ou motos.

Para simular a compra como novo num país da UE, deve escolher a opção "Até 6 meses país UE" e introduzir o preço do carro na origem.

Antonio em 30.03.2019. 10:09

Onde esta aquela tabela que tinha os resumos de todos os custos?

Luis em 30.03.2019. 00:48

Boa noite.
Estou a pensar comprar um carro novo na Alemanha.
Neste cenário qual o cálculo a efectuar?
Novo em Portugal?
E o Isv paga mais iva?
Desculpem tanta pergunta mas preciso mesmo de informar antes da compra...
Obrigado a todos

FD em 29.03.2019. 09:36

@Antonio em 28.03.2019. 21:33

Isso depende totalmente da cobertura do seguro, tem que perguntar a quem lhe faz o seguro.

Antonio em 28.03.2019. 21:33

e caso haja algum problema com o carro a meio caminho?
chamo o seguro e tenho direito a repatriamento?

FD em 28.03.2019. 13:02

@Antonio em 28.03.2019. 12:28

Sim, é o suficiente.
Pode usar a matrícula temporária e o seguro associado durante o tempo em que são válidos, sem qualquer tipo de problema.
O importante é que faça tudo o que é necessário fazer antes de qualquer um deles expirar.

Antonio em 28.03.2019. 12:28

Boa tarde,
Pretendo comprar um veiculo na Alemanha e conduzi-lo até Portugal.
A matricula temporária e o seguro associado são suficientes?
Vou precisar de entrar no pais e me deslocar ao centro de inspeção com a matricula temporária? ou ha outra solução?

FD em 28.03.2019. 09:44

@Ricardo Curado em 27.03.2019. 18:36

Regra geral, poderá haver excepções, desde que seja ligeiro de mercadorias ou misto e tenha caixa aberta/fechada, paga ISV conforme a tabela B, que tem apenas em conta a cilindrada.
Pode ver os valores aqui: tabelas ISV.

Também pagará IUC como se fosse um comercial.
Os valores estão aqui: tabelas IUC.

Jose em 27.03.2019. 21:20

@ FD,

Muito obrigado pela disponibilidade e pelo esclarecimento, de facto a dúvida incidia mesmo sobre a data de "cut-off" para ser considerado clássico.

Os links que me enviou foram altamente esclarecedores,

Muito obrigado,
Jose

Ricardo Curado em 27.03.2019. 18:36

Boa tarde.
Se importar uma carrinha 4x4 (ex: navara ou ranger) quanto pago de isv? E o IUC é o normal ou como comercial e fica nos 50€?
Cumprimentos

FD em 27.03.2019. 16:00

@dsa em 27.03.2019. 14:34

A legislação não coloca qualquer objecção ou limitação ao facto de ser novo ou usado. Veja aqui: Artigo 57.°-A Conteúdo da isenção.

O valor das emissões a considerar para o cálculo do imposto e para o limite sujeito a isenção é sempre o combinado, constante do COC ou de outra documentação oficial do carro (livrete por exemplo).
Atenção que se a medição for WLTP (alguns carros de 2018 e todos de 2019) deve aplicar a respectiva redução (ver aqui: tabelas ISV). Consegue saber se é WLTP consultando a documentação (normalmente aparece o valor das emissões seguido da sigla WLTP). Se não aparecer a sigla WLTP quer dizer que não foi usado esse método.

O valor das emissões de CO2 a ser usado para cálculo do imposto é sempre aquele que acompanha a documentação do carro (COC, livrete, ficha técnica, etc.).

Antes de fazer a legalização, tem sempre que fazer um pedido prévio de isenção à Autoridade Tributária e Aduaneira.

dsa em 27.03.2019. 14:34

boa tarde,

estou a considerar a hipótese de importar um carro de 7 lugares e usufruir da isenção de 50% de isv para famílias numerosas.

algumas questões que agradecia que me respondesse, caso saiba:

1- tenho direito a esta isenção, sendo usado (já vi um ofício da AT que diz que sim, mas tb já vi noutras páginas que teria de ser novo... talvez estas páginas não considerem a hipótese de usado importado, apenas de usado nacional, logo sem isv...)?

2- para o elegibilidade desta isenção é necessário que as emissões sejam inferiores a 150g/km. devo considerar os valores do COC, correcto? Vi um exemplo de um COC com 3 valores de emissões (urbano, extra urbano e combinado). No cálculo do imposto será sempre usado o combinado ou outra medida média equivalente?

3- se um modelo actual novo em comercialização tiver emissoes, e.g. de 152 g/km e um usado a importar igual referir no COC (ou DUA...) 148g/km, será sempre este valor o usado no cálculo do imposto (e na elegibilidade da isenção) ?

4- o cálculo do imposto já teria em conta esta isenção ou teria de me deslocar às finanças para fazer esta correcção?

obrigado desde já,
dsa

FD em 27.03.2019. 12:14

@Philipp em 27.03.2019. 11:48

I don't have sufficient knowledge of the german procedures and conditions to register/deregister cars but, as long as it has a definitive license plate for more than 6 months, in your name, you shouldn't have any issues proving that the car is yours for that period.

If I were you, when possible, I wouldn't facilitate it - as I have said before, you never know if or when an overzealous civil servant is handling your case - even if solved in the end, you don't want to go through the stress of an atipical scenario. Even we (portuguese) have tiresome problems regarding these issues, imagine you, being a foreigner.

As to your second question, that's just how it works, regardless of the procedure used for the car to be imported to Portugal, you'll be paying IUC as if it was new.
If it's a pre-2007 car, I strongly advise you to not bring it with you - if, someday, you try to sell it, you will find it very difficult because nobody will want to buy it when they can buy a pre-2007 for the same price and pay way less IUC.

Further reading (in portuguese):
Isenção por mudança de residência - condições e procedimentos;
Porque não deve importar usados anteriores a Julho de 2007;
Como legalizar carros importados.

Philipp em 27.03.2019. 12:06

Hi again,
I just saw and translated the latest answer that was given prior to my message. Looks like it does not make sense to bring pretty cars from foreign countries to Portugal then. It is a pity that Portugal pretty obvious hates cars - at least for car-loving Germans...

Philipp em 27.03.2019. 11:48

Hi,
I am thinking about moving from Germany to Portugal. From what I have read so far I potentially can avoid ISV if I already own the car for more than 6 month. But is proof of ownership good enough or does the car have to be registered within the last 6 month before moving to Portugal? This is important to me to know since I own the car for more than 1,5 years, but since November 2018 it is sitting in the garage without registration waiting for being moved to Portugal or sold in Germany (for your information, I did not yet register myself in Portugal, i.e. there is no deadline or so to be taken into account).
Another question would be: What about IUC - will it always handle the car as built after mid of 2007 (as long as it has not been built before 1970) when brought to Portugal even though I bring it as "house moving object"?
Example: Porsche 911 from 1989 with 3.2 liter engine --> if originally registered in Portugal IUC is around 75€/year according to this homepage. Using your import calculator IUC will be around 565€/year instead. So, what will apply in the described scenario?

Thanks in advance for your answer!

FD em 27.03.2019. 10:46

@Jose em 27.03.2019. 09:59

Por favor, leia o seguinte: impostos (ISV/IUC) na importação para Portugal de um carro antigo (clássico).

Respondendo directamente: se é de 1970, é como se fosse de 2019, o tratamento é exactamente igual. Apenas anteriores a 1970 (1969 no mínimo) é que têm um tratamento diferenciado, mais favorável.

Só com os dados que refere é difícil adiantar alguma coisa com certeza mas, em princípio, será considerado da UE se tiver uma factura UE (ou declaração de venda) e se tiver um registo alemão.

Tenha também em atenção o seguinte:
Porque não deve importar usados anteriores a Julho de 2007;
Importação de automóveis de países fora da UE - homologação.

Jose em 27.03.2019. 09:59

Bom dia,

Estou a ver um carro de 1970 que gostaria de importar para Portugal. O carro está na Alemanha, já devidamente importado, mas com matrícula dos Estados Unidos.

Em primeiro lugar, sendo o carro de 1970, já entra na categoria de “carros clássicos”?

Segundo: nas condições referidas, o carro será considerado importado da UE ou do exterior?

Agradeço desde já a disponibilidade para esclarecer as dúvidas.
Cumprimentos
Jose

FD em 26.03.2019. 10:03

@Franck Soenen em 26.03.2019. 02:00

A credenciação é o que a Autoridade Tributária e Aduaneira chama ao "registo" para poder utilizar a aplicação SFA (Sistema de Fiscalidade Automóvel), onde se preenche a DAV (Declaração Aduaneira de Veículos).

Nesta página: https://aduaneiro.portaldasfinancas.gov.pt/jsp/main.jsp?body=/external/cred/scade-credenciacao/identificacao/processar.do

Tem que colocar um visto na caixa "Sistema de Fiscalidade Automóvel" e depois carregar em "Validar".
Em princípio, o acesso é imediato.

Franck Soenen em 26.03.2019. 02:00

Bom Dia
O endereço: https://sitfiscal.portaldasfinancas.gov.pt/geral/home?areaDestino=AD está correcto. Quando eu vou para a aba DAV, ele pede para entrar com o meu NIF e senha para o portal de financas.
Depois chego ao endereço: https://aduaneiro.portaldasfinancas.gov.pt/jsp/externalApp.jsp?body=/external/sfa/ e depois recebo este comentário: O seu NIF não está credenciado para esta aplicação informática. A chamada à opção Credenciação no Portal Aduaneiro e credenciar-se a um Sistema de Fiscalidade Automóvel. Como devo proceder?

FD em 24.03.2019. 12:25

@Franck Soenen em 24.03.2019. 07:12

O endereço correcto é: https://sitfiscal.portaldasfinancas.gov.pt/geral/home?areaDestino=AD

FD em 24.03.2019. 12:23

@José Pinho em 23.03.2019. 01:08

Para esse modelo - Nissan Pathfinder, em princípio, aplica-se o simulador que está nesta página.

FD em 24.03.2019. 12:21

@Franck Soenen em 22.03.2019. 17:25

Em princípio, pagará:
ISV = 3452,88€
IUC = 53,69€

Pode ter isenção de ISV se trouxer esse veículo para Portugal e cumprir todos os requisitos na página que indiquei anteriormente.

Franck Soenen em 24.03.2019. 07:12

Bon Dia
Para efeitos de acesso à aplicação informática e ao processamento da DAV por parte do beneficiário do regime, o mesmo deve proceder à credenciação no Sistema de Fiscalidade Automóvel, acedendo à opção "Credenciação" no Portal das Finanças. https://stfiscal.portaldasfinancas.gov.pt/geral/home?areaDestino=AD
O site não funciona e não acho possível (conforme descrito no depoimento) preencher o DAV on-line.

José Pinho em 23.03.2019. 01:08

Boa noite a carrinha tem um peso bruto de 2860 kg.

Obrigodos

José Pinho em 23.03.2019. 00:54

Pretendo importar uma viatura de França como não tenho simulador é possível me informar o valor ISV. Dados da carrinha.
Marca Nissan Pathfinder
lugares 7
2498 cc
diesel
4x4
2006
CO2- 238
Obrigados

Franck Soenen em 22.03.2019. 17:25

Boa Tarde
O Mercedes Viano 3.0 CDI tem categoria de veículo J: N1 Peso bruto F2: 2940 kg. registado na Bélgica como camião ligeiro com cabine dupla 5 lugares.
Você pode me dizer o que o ISV e o IUC equivaleriam? Se a isenção não funciona?

FD em 22.03.2019. 11:10

@Daniel em 22.03.2019. 00:30

Não vejo nada na lei que elimine essa possibilidade mas, não sei se a Alfândega não irá desencadear um processo de averiguação sujeito a junta médica.

Daniel em 22.03.2019. 00:30

Boa noite. O desconto aplicável que os deficientes têm direito, também se aplica a compra de moto?

FD em 20.03.2019. 09:58

@Francisco Ferreira em 19.03.2019. 22:49

Os valores de CO2 estão associados a uma determinada configuração e, por vezes, podem mudar se alguma característica for diferente entre modelos.
Deve consultar a documentação do carro (livrete, DUA, etc.) para saber as emissões de CO2, essas são as únicas válidas.

Dito isto, para esse modelo (automático, manual?) encontro valores entre os 180g/km e os 200g/km.

Francisco Ferreira em 19.03.2019. 22:49

Boa noite.
Gostaria de saber os valores de co2 de um mercedes c 200 de 2007 a gasolina, com 1796 cc, 184cv para ter uma ideia de quanto teria de pagar de isv, para um carro a importar.
Nas caracteristicas do carro, não encontro esses valores.
Obg. F. Ferreira

Pedro Costa em 19.03.2019. 18:29

@FD Muito obrigado

Não quero concerteza inventar a roda
Só começar
Muito obrigado pelas dicas.
O que aqui criou é serviço público!!

Um abraço

FD em 18.03.2019. 10:01

@Luis em 17.03.2019. 15:38

Atenção: por ser classificada como veículo (comercial de) mercadorias não quer dizer que está isenta de ISV.
O cálculo é que é feito de outra forma.

Se for 4x4, mínimo 4 lugares, paga 50% da tabela B que apenas tem em conta a cilindrada no cálculo do ISV.
Nova, quer dizer que paga 26.684,84€ de ISV.
Se usada, deve ser aplicado o respectivo desconto de idade a este valor.

Luis em 17.03.2019. 15:42

Obrigada pela atenção, mesmo sendo a gasolina ? Dodge RAM 1500 5,7cc de 4 ou 5 lugares caixa aberta. Assim sendo está isenta de ISV, e quanto paga de IUC? Modelo é novo ou usado , consoante ser mais em conta, mas vem da Bélgica ou Alemanha, visto em Portugal não ter representante.

Luis em 17.03.2019. 15:38

Obrigada pela atenção, mesmo sendo a gasolina ? Dodge RAM 1500 5,7cc de 4 ou 5 lugares caixa aberta. Assim sendo está isenta de ISV, e quanto paga de IUC?

FD em 17.03.2019. 12:31

@Pedro Costa em 17.03.2019. 10:27

Não restrinja a sua escolha assim.
Pense na lei da oferta e da procura.
Comece por perceber que modelos se vendem melhor em Portugal.

Não "invente" a roda.
Vá ao maior sítio de usados na internet, escolha a pesquisa avançada, no último campo escreva "importado", escolha ver anúncios apenas de comerciantes, estabeleça o valor que quer "gastar" e veja os resultados.
Os comerciantes profissionais já têm conhecimento do mercado e apenas importam o que se vende, ou seja, já fizeram esse trabalho por si, se fizer esta pesquisa percebe logo que modelos são mais "vendáveis".

FD em 17.03.2019. 12:21

@Luis em 17.03.2019. 01:54

Sem mais dados é difícil dar certeza mas, normalmente, esse modelo pode ser legalizado como ligeiro de mercadorias de caixa aberta.

FD em 17.03.2019. 12:21

@Antonio Aleixo em 16.03.2019. 13:50

Ao importar usados da UE, que paguem IVA na origem, o IVA não incide sobre o ISV em Portugal aquando da legalização.
Ou seja, no seu caso, se é um particular, não tem que pagar qualquer IVA em Portugal.

FD em 17.03.2019. 12:18

@MCosta em 16.03.2019. 10:49

Se tiver 7 lugares (não 4x4) e peso bruto igual ou inferior a 2.500kg, este simulador é adequado.
Se tiver 7 lugares (não 4x4) e peso bruto superior a 2.500kg, paga metade do que o simulador indicar.

Pedro Costa em 17.03.2019. 10:27

Olá meus caros, para quem dá os primeiros passos na importação, que automóveis vale a pena importar da Alemanha que não se encontrem cá pelos mesmos preços?
Eu sei que para valer a pena deve ter até 1600cc e não mais que 105 g/co2 mas que recomendariam para ter algum lucro, ainda que pouco mas que chegue para valer a pena trocar de carro todos os anos?

Muito obrigado pela atenção

Luis em 17.03.2019. 01:54

Boas, legalização Dodge RAM 5,7cc, gasolina/GPL. Pode ser legalizada como ligeiro de mercadorias. Sim ou não? Obrigada

Antonio Aleixo em 16.03.2019. 13:50

Boa tarde, tenho uma pergunta perante o IVA.

Segundo os dados do carro, a simulação dame um valor a pagar do ISV de 2730.58€.

Ao montante do ISV acrescento ainda o valor do IVA de 23% (628€) ?????? Ou jä esta incluido no valor??

O carro vem da Alemanha e tem 10 anos.

Obrigado

MCosta em 16.03.2019. 10:49

Bom dia, qual o simulador que devo usar para
Mazda 5 MZ-CD 1.6L 115cv serie dinamique, 7 lugares de janeiro de 2015

FD em 15.03.2019. 10:11

@Ricardo em 14.03.2019. 17:40

Considerando que o peso bruto não é superior a 3.500kg e que se insere na categoria "Furgões mercadorias" (Caixa carga altura mínima 121cm, Máximo 3 lugares, 4x4 excluídos), pagará 865,17€ (mais de 4 anos) ou 986,60€ (menos de 4 anos).
Relembro que isto é uma estimativa dada com os dados que fornece e tendo em conta que a classificação é a que indico.

Ricardo em 14.03.2019. 17:40

Peço desculpa mas mesmo com informação da tabela B não consigo calcular o valor a pagar pela minha carrinha porque não sei qual o calculo que devo efectuar
Seria possível ajudar-me?
Renault Master 2.3L caixa Fechada
3.7m longo
Altura de caixa 1.9m
CO2 Emission 211 g/km
Ano 2015
Obrigado pela atenção
Ricardo

Ricardo em 14.03.2019. 16:31

Obrigado pela ajuda.

2015

Cumprimentos
Ricardo

FD em 14.03.2019. 16:19

@Ricardo em 14.03.2019. 15:56

Não refere a idade.
Nesta página encontra as tabelas, deve usar a tabela B, ver a percentagem a pagar conforme a classificação do veículo e, aplicar o respectivo desconto da idade.
Se o peso bruto for superior a 3.500kg não paga ISV.

Ricardo em 14.03.2019. 15:56

Boa Tarde, estou um pouco confuso referente aos ISV para veículos comerciais de mercadorias.
Gostaria de importar da Inglaterra Uma
Renault Master 2.3L caixa Fechada
3.7m longo
Altura de caixa 1.9m
CO2 Emission 211 g/km

Qual seria o valor de legalização?

Muito obrigado

Ricardo

FD em 14.03.2019. 10:34

@Jorge Mesquita em 13.03.2019. 19:23

Não há uma regra única, cada comerciante trabalha e aceita os pagamentos que quiser. Convém sempre perguntar antes de viajar.

Dito isto, regra geral:
Dinheiro - aceite sem limitações legais (na Alemanha) mas, há comerciantes que não aceitam, valores superiores a 10.000€ só com cartão do cidadão
Cheque - tem que ser um cheque internacional, emitido pelo banco, só depois de boa cobrança é que o carro pode ser entregue, a cobrança demora alguns dias
Cartão de débito - alguns comerciantes aceitam este tipo de pagamento, convém verificar junto do seu banco o limite máximo para pagamentos e pedir para levantar esse limite se for caso disso
Transferência - meio de pagamento ideal, se escolher fazer uma transferência normal, urgente ou "instantânea/imediata" (máximo 15.000€ e desde que disponível no seu banco e no banco de destino) é a melhor solução, pode ficar disponível imediatamente ou, no máximo, no dia útil seguinte, atenção aos limites impostos pelo seu banco

Jorge Mesquita em 13.03.2019. 19:23

Boa tarde , tem ideia de como pode ser feito o pagamento do carro na Alemanha ?
dinheiro vivo,transferencia bancaria, cheque ?

Obrigado

FD em 13.03.2019. 10:05

@Luis Fialho em 12.03.2019. 21:12

Não encontro nada na lei que refira que após 5 anos qualquer pessoa pode conduzir o carro, pelo que, assumo que tal não será possível.
Aconselho a leitura da lei, nomeadamente o artigo 57.º: Artigo 57.º do Código do ISV - Condução do automóvel.

FD em 13.03.2019. 10:00

@André Simões em 12.03.2019. 20:42

Por "por o processo" entendo que se está a referir a iniciar o processo de legalização na alfândega, certo?
Se sim, não sei a qual das datas no CMR se refere (carga, descarga?) mas, o que interessa é apenas a data de entrada no país.
Tem que entregar a DAV (declaração aduaneira de veículo) até 20 dias úteis após entrada no país.

FD em 13.03.2019. 09:43

@Fábio Jesus em 12.03.2019. 16:20

A mim dá-me 2.339,15€, com o ISV a custar 1.089,15€ (4 anos).

Luis Fialho em 12.03.2019. 21:12

Agradecia resposta ao seguinte: Um automóvel que foi comprado para um deficiente com 98%, isento de ISV, já passaram 5 anos, temos de continuar a pedir autorização para o veículo ser conduzido por terceiros?
Ou a partir dos 5 anos após a compra qualquer um o pode conduzir?

André Simões em 12.03.2019. 20:42

Gostaria de saber se me pode ajudar, tal como tem feito. ( bem haja)
Tenho um carro que veio do estrangeiro e já fiz inspecção B. O carro veio de transporte, a minha dúvida é quantos dias tenho para por o processo após a data que está na folha CRM? Pois o IMT não me responde aos emails nem atendem o telefone.

Desde já agradeço a vossa atenção

Fábio Jesus em 12.03.2019. 16:20

Boa tarde FD.
Gostaria de saber se o ISV de um Renault Clio IV 1.5 dci ( 1461 cc) 82 g/km CO2 de 12/2014 vindo da Polónia, o total incluindo as despesas, se não me enganei a colocar algo, seria de 2177.81?

Muito obrigado.

FD em 12.03.2019. 11:18

@Alberto Rodrigues em 11.03.2019. 22:35

Sim, faz sentido.
No entanto, o que quer fazer não é uma transferência de propriedade mas sim, uma exportação.
E para a exportação, do que pesquisei, penso que o número de identificação fiscal italiano não é obrigatório.
Encontra mais informações aqui: http://www.aci.it/i-servizi/guide-utili/guida-pratiche-auto/esportazione.html

Sobre os documentos necessários: como legalizar carros importados.

Alberto Rodrigues em 11.03.2019. 22:35

Boa noite,
Antes de mais obrigado por permitir expor as nossas duvidas.
Estou a negociar um A45 AMG de 11/2013 que se encontra à venda na itália e o proprietário (particular) diz-me que não vamos conseguir fazer lá o registo da compra/venda no "conservatório" porque eu não sou residente nem tenho um "nif" italiano. Neste sentido gostaria de saber se isto faz sentido e/ou se existe outra documentação que pode ser produzida para depois conseguir legalizar o carro em Portugal.
Adicionalmente, os documentos que o Sr diz tem é o livrete e o certificado de propriedade. São estes os documentos que depois necessito para registar ca o carro correcto?
Obrigado pela atenção mais uma vez.
Alberto

eduardo sousa em 11.03.2019. 18:41

antes a este sistema era muito fácil até para um analfabeto ver quanto é que tinha apagar de imposto de importacão de um veículo vindo dos paises vizinhos, hoje o simplexe é implantado quando é campanha Eleitoral na prática não existe,, porque este sistema não é legal ao Tratado de SHenga. e por isso não é muito simples de se ver,,,nem tão pouco de aprender,,,para pessoas que ainda são do tempo do Tio António Salazar,,,,, nós notamos a diferenca ,,,da turtura burocrática e até pisycológica ,,, tudo de bom para os chefes deste Sistema e não são intiligentes,,,

FD em 08.03.2019. 17:55

@Santos em 08.03.2019. 15:38

Se inserir o preço de compra no passo 7, o valor total apresentado é com o custo do carro, daí o valor elevado que é capaz de estar a ver.

Se não inserir o preço de compra no passo 7, apenas será apresentado o valor dos impostos, que no caso, é igual ao que dá nesta página, 2366,18€.
O valor do ISV pelo método alternativo é 2919,01€.

Santos em 08.03.2019. 15:38

Bom dia,
O simulador pelo método avaliação ou está avariado ou não consigo usar corretamente, apresenta um valor fora da realidade. Gostaria de ajuda se possível.


Valor de compra 5400
Valor em novo 26460
Valor atual mercado atual. 9800
Cc 1.4
Co2 154 gasolina
Ano construção 12/2008

Agradeço a atenção.
Santos

FD em 07.03.2019. 16:23

@ajag em 07.03.2019. 11:58

Leia por favor: IVA na importação de carros ou motos.

FD em 07.03.2019. 15:57

@Franck Soenen em 06.03.2019. 12:55

Se o Mercedes Viano tiver peso bruto superior a 3.500kg não paga ISV.
Pagará apenas o processo de legalização, cerca de 200€~300€.
Custo IUC (por ano) para o camião: Tabela IUC 2019 Mercadorias (particular).

Quanto à mota, custo ISV (uma vez para obter matrícula): Simulador ISV Motos 2019.
Custo IUC (por ano) mota: Simulador ISV Motos 2019.

Isenção por transferência de residência para Portugal: condições e procedimentos.

ajag em 07.03.2019. 11:58

Se por exemplo comprar um viatura nova na Alemanha, tenho de pagar o IVA lá e em Portugal?

Franck Soenen em 06.03.2019. 12:55

Estou a pensar em me tornar residente em Portugal (Sistema NRH - sem custos de importação?)
Por conseguinte, gostaria de trazer o meu Mercedes Viano 3.0 CDI (diesel registado em 12- 2006) registado na Bélgica como camião ligeiro com cabine dupla 5 lugares (50% da distância entre eixos é o espaço de carga).
Eu também tenho uma motocicleta honda deauville 700 cc ano de construção pode trazer tanto?
Você pode me dizer o que o ISV e o IUC equivaleriam? Se a isenção não funciona?

FD em 05.03.2019. 12:53

@Nuno Moreira em 05.03.2019. 12:41

Depende de quando iniciou o processo de legalização.

Se antes de 1 de Janeiro de 2018, para não pagar nada, tem que ficar com o carro durante 5 anos.
Se vender antes dos 5 anos, tem que pagar os impostos proporcionais até que o prazo dos 5 anos termine.

Se iniciou o processo depois de 1 de Janeiro de 2018, pode vender o carro 1 ano depois sem qualquer penalização.

Veja no Documento Único Automóvel qual é a data do ónus de tributação residual e assim já saberá que regra é que se aplica.

FD em 05.03.2019. 12:43

@André Lopes em 04.03.2019. 16:31

É um pesado?
Do que pesquisei, essa norma é utilizada em veículos pesados.
Relembro que veículos pesados (peso bruto superior a 3.500kg) não pagam ISV.

Respondendo directamente à pergunta: não tem nada a ver com WLTP.

Nuno Moreira em 05.03.2019. 12:41

Bom tarde
No ano passado vim de vez da Suíça e legalizei um alfa romeu 159 1.9 disel 150cv de 2008 ,na qual paguei 450 euros tendo beneficiado do desconto por ter regressado em definitivo.
O que gostaria de saber se ao fim de 1 ano se o posso vender ! E quanto teria que pagar de impostos se o fizesse?
Se me poder ajudar desde ja lhe agradeço.
Boa tarde

FD em 05.03.2019. 12:38

@ferreira em 04.03.2019. 14:39

Está escrito no texto.

André Lopes em 04.03.2019. 16:31

Estou em fase de legalização de uma viatura de maio de 2017 que no Certificado de conformidade tem valores das emissões WHSC , têm alguma coisa haver com o WLTP ? Obrigado desde já pela ajuda.

ferreira em 04.03.2019. 14:39

Boa tarde. Depois de tanto ter sido dito estou confuso.

Pode me informar quanto teria a pagar e relativo a que custos se importar um Tesla S85 da Holanda de 2014
100% elétrico.

Obrigado

FD em 03.03.2019. 12:58

@Shu em 03.03.2019. 12:47

Qual foi a dificuldade em usar o simulador?

Shu em 03.03.2019. 12:47

quanto vou pagar para:

Smart 2008, diesel, 88g/km, carro de Alemanha

Obrigado.

FD em 27.02.2019. 15:03

@Filipe MArtins em 27.02.2019. 14:07

Leia: Isenção por mudança de residência - condições e procedimentos.

Filipe MArtins em 27.02.2019. 14:07

Boa tarde,

Estive 5 anos fora de Portugal e quero regressar e queria legalizar o carro que tenho um clio 1.5 90CV, fui pedir informações sobre a legalização e disseram-me que iria estar isento de pagar o ISV mas aqui no simulador aparece me que tenho de pagar o ISV. Queria saber se tenho mesmo de pagar ou onde posso obter informações claras.

Obg

FD em 27.02.2019. 10:18

@Carlos Santos em 26.02.2019. 22:46

Sem saber quais os dados com que fez a simulação não lhe sei dizer se o valor está correcto ou não.

Se os dados forem: 1997cm3, 78g/km CO2, Mais de 6 meses e menos de 1 ano, híbrido plug-in, gasolina; o valor a pagar é 998.60€.

Não se esqueça é que, por ter menos de 4.000km, irá pagar o IVA a 23% em Portugal.
Mais informações sobre isto: IVA na importação de carros.

FD em 27.02.2019. 10:06

@Cristian em 26.02.2019. 20:53

Atenção que este simulador é só para ligeiros de passageiros.
Qualquer um dos modelos que indica poderá, segundo as suas características, ser considerado de mercadorias ou misto pelo que, pagam ISV de acordo com outro tipo de cálculo.

As características pelas quais se classificam fiscalmente os veículos em ligeiros de passageiros, ligeiros de mercadorias ou mistos são um pouco confusas para uma pessoa normal.
Para perceber o que quero dizer com isto, leia o artigo 2.º e do artigo 7.º ao artigo 9.º do Código do ISV.

O cálculo do ISV para os ligeiros de mercadorias é:
(((Escalão da tabela B * Cilindrada) - Parcela a abater) * Percentagem a pagar) * Percentagem a pagar pelo desconto idade = ISV a pagar

Por exemplo, para a Kangoo 1.5dCi de 2011 de 2/3 lugares, considerando que é um veículo de mercadorias:
(((11,38€ * 1461cm3) - 10.972,84€) * 0,10) * 0,35 = 197,87€

Pode ver as tabelas com estes valores aqui: tabelas ISV.

FD em 27.02.2019. 09:10

@FDR em 26.02.2019. 16:39

Nein, english and portuguese only.

Carlos Santos em 26.02.2019. 22:46

Boas vou buscar um X5 iporformace 40e plugin de agosto de 2018 tem mais 6 meses mas só tem 4000 km vai pagar iva sobre o valor 60.000€Vou comprar na Bmw e a factura sobre valor. O USB fiz a simulação foi 978,74 está correto?Obrigada

Cristian em 26.02.2019. 20:53

Boa Tarde
Achei este simulador muito útil e melhor que o das finanças.

Gotaria de saber, como é que é possível, pagar mais ISV num Renault Kangoo 1.5cm3 2011 (5600€) do que um Mercedes Sprinter 2.2cm3 2011 (4700€) ? E quase o mesmo do que um Renault Master 2.5cm3 2011 ( (5900€) ??
Ou se for um Sprinter 2148cm3 de 2008 (3900€)

Como é possível num motor de 1.5cm3 Diesel com +/- 140co2 pagar mais ISV do que ligeiros de mercadoria de caixa fechada com motores 2.2cm3 ou + ?

Só para clarificar, um carro do tipo Renault Kangoo é Ligeiros de Passageiros e um carro do tipo Mercedes Sprinter/Vito ou Renault Master/Trafic é Ligeiros de passageiros de Caixa fechada certo?

Obrigado!

FDR em 26.02.2019. 16:39

Boa tarde,

spricht hier jemand deutsch ?

Obrigado
Daniel

FD em 24.02.2019. 12:26

@David Carrilho em 24.02.2019. 01:26

O carro seria importado de que país?

FD em 24.02.2019. 12:21

@Orlando em 23.02.2019. 21:57

Ao importar um carro usado da Suíça paga:
- ISV como se fosse novo
- direitos aduaneiros que podem variar entre os 0% e os 10%, aplicados sobre o valor do carro
- IVA a 23%, aplicado sobre valor carro + direitos aduaneiros + ISV

O simulador da Autoridade Tributária e Aduaneira não calcula nem os direitos aduaneiros nem o IVA, apenas calcula o ISV.
O simulador desta página calcula todas as despesas e impostos, no campo "Idade e origem do carro" tem que escolher a opção "Qualquer idade país não UE", e depois deve preencher o valor do carro.

David Carrilho em 24.02.2019. 01:26

Concorri para um sorteio de um carro desportivo de 3902cc, tenho a plena noção de que as chances de o ganhar são muito baixas mas fiquei curioso com este caso, eles dizem que o prémio está incluído o próprio porte, neste caso apenas iriam ser pagos só os impostos de registo de matrícula ou também taxas alfandegárias?

Orlando em 23.02.2019. 21:57

Boa noite. Eu pretendo legalizar um carro usado da Suiça, nao sendo um pais da UE, que custos terei na legalizaçao? No simulador de isv do portal das finanças, o valor que dá é o valor real a ser pago na legalizaçao? Obrigado

FD em 22.02.2019. 12:01

@João em 22.02.2019. 11:12

Com o WLTP:
Uma configuração única = um valor único de emissões de CO2.

"Antigamente", com o método NEDC, o fabricante homologava uma configuração com um conjunto motor + caixa + roda e daí "saía" um valor de emissões de CO2 igual para todas as configurações com esse conjunto.

Actualmente, com o método WLTP, o fabricante tem que homologar todas as configurações cujos elementos possam influenciar o consumo de combustível e, directamente relacionadas com isso, as emissões de CO2, porque há uma relação directamente proporcional entre combustível consumido e emissões de CO2 (mais consumo = mais emissões).

Um dos elementos que mais influencia o consumo de um automóvel é o peso.
Se um determinado veículo pesar 1.500kg, gastará, imaginemos, 8l para percorrer 100km.
Se, ao adicionar equipamento (extras), esse peso subir para 1.600kg, já gastará, hipoteticamente, 8,2l para percorrer 100km.
O peso aumenta, o consumo aumenta, aumentam as emissões.
Aumentam as emissões, aumenta o ISV a pagar, daí a conclusão de que, ao adicionar "extras" a uma configuração, o ISV a pagar aumentará.

Alguns dos elementos mais "culpados" pelo aumento do peso são os tectos panorâmicos, os tectos de abrir, os kits estéticos/desportivos, alguns bancos, etc.

João em 22.02.2019. 11:12

Tenho uma dúvida. Os extras contam para o cálculo do ISV?

Se fizer duas simulações no site da Mercedes (uma com extras e outras sem extras) o valor a pagar de ISV é diferente, é suposto?

O cálculo não deveria incidir apenas na cilindrada e nas emissões?

FD em 21.02.2019. 10:45

@Alberto Pessoa em 21.02.2019. 00:14

Não sei como fez as simulações mas, a mim, desde que o carro faça 1 ano, ciclo NEDC, deram-me quase a mesma coisa: 885,97€ aqui e 885,98€ no simulador da Autoridade Tributária e Aduaneira.

Terá escolhido no campo tipo de veículo Ligeiro de Passageiros em vez de Ligeiro Híbrido Plug-In? Só assim é que dá um valor parecido com o que refere.

FD em 21.02.2019. 10:22

@João em 20.02.2019. 18:55

No início de 2018 não havia nada planeado quanto ao que iria acontecer, daí as notícias dos aumentos por causa do WLTP.
Em Agosto de 2018, o governo indicou que iria ter em consideração o problema.
No Orçamento do Estado para 2019 foi estipulada uma tabela de descontos para os automóveis homologados pelo WLTP.

Ou seja, existe actualmente uma tabela que reduz as emissões de CO2 para efeitos de cobrança de ISV e IUC, em todos os modelos WLTP: tabelas ISV.
Daí a diferença na simulação, que estão correctas pelo que verifiquei.

Quero só chamar à atenção para a dúvida desse modelo ter sido homologado pelo método WLTP - confirme muito bem, incluíndo através da documentação do carro (livrete), para depois não ter surpresas.

Alberto Pessoa em 21.02.2019. 00:14

Boas gostaria tirar uma dúvida.vou buscar um x5 40e plug in fevereiro de 2918 fiz a simulação do isv nas Finanças e no out site as finanças deu um valor 3464.00€e no site deu 810.87.O x5 é de fevereiro de 2018 tem 1997cm3 e 78 co2 plugin.eletricoe gasolina.alguem pode tirar a dúvida.obrigada

Escrever um comentário

:

:

:


Em que ano é que estamos?